Terça, 14 Novembro 2017 09:18

Seguem presos acusados de participação em roubo a bancos em Miraguaí

Avalie este item
(0 votos)

Fotos: PC/Divulgação

A Justiça de Tenente Portela deferiu o pedido de prorrogação da prisão temporária do vereador e Cacique da Reserva Indígena do Guarita, Valdonês Joaquim, feito pelo Ministério Público. A prorrogação também é para Valdir Joaquim, pai do cacique, que também está preso desde a última quarta-feira, 1. Pai e filho são investigados pelo Ministério Público suspeitos de participação no roubo a duas agências bancárias, no dia 6 de fevereiro deste ano, em Miraguaí. 

Ler 879 vezes Última modificação em Terça, 14 Novembro 2017 11:35

Usuários Online

Temos 2222 visitantes e Nenhum membro online

VITRINE PUBLICITÁRIA

Astor Mallmann – Representante Telha Cer…

Green House

VIVO Multicell - Três Passos

Igreja Dom de Maravilha

Campeão de audiência

Vende-se prédio comercial em Humaitá

Anuncie aqui

Leitor Repórter

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DIVERSOS

Projeto Vereador Mirim é desenvolvido em…

DICAS

Gratidão – Como essa emoção pode ajudar …

ESPECIAL

Motorista relata aparição de mulher de b…

INUSITADO

Vídeo do último indígena sobrevivente de…

POLÍCIA

Quadrilha ataca banco com explosivos no …

ESPECIAL

Médico esquece pano na barriga de pacien…

TEMPO

Primeiro o calor, depois a chuva e agora…

GERAL

No Brasil, Facebook chega a 127 milhões …

CIDADE

Festa do Colono e Motorista é atração em…

ESTADO

INSS convoca 15,6 mil segurados para per…

ESPECIAL

Máquina da prefeitura cai de caminhão em…

GERAL

Whatsapp limita encaminhamento de mensag…

...