Quinta, 11 Janeiro 2018 08:35

Justiça nega habeas corpus para bruxo suspeito de esquartejar crianças no RS

Avalie este item
(0 votos)

Foto: Reprodução

O desembargador Sylvio Baptista Neto, da 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça, negou nesta quarta-feira o pedido de liberdade do "bruxo" suspeito de ter esquartejado duas crianças durante possível ritual macabro. Assim, o homem seguirá preso por tempo indeterminado.

De acordo com a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça, na decisão, o desembargador pediu mais informações do caso ao Foro de Novo Hamburgo. Detalhes sobre a liminar não foram divulgadas já que o processo tramita em segredo de justiça.

Esse é o segundo pedido de habeas corpus do bruxo negado pela Justiça. O primeiro foi no dia 5, quando o juiz Sandro Luz Portal negou o pedido realizado pela então advogada do investigado, Denise Dal Molin Pellizzoni. Na liminar, Portal alegou que a prisão era necessária "em face da complexidade do crime investigado, cuja dimensão, certamente, oferta obstáculos à investigação policial".

 

CP

Ler 892 vezes

Usuários Online

Temos 62566 visitantes e Nenhum membro online

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

GERAL

Seguro DPVAT tem redução de 71% para car…

ESPECIAL

Temporais causam estragos em pelo menos …

CIDADE

Mercadão dos Óculos inaugura loja no cen…

GERAL

Gasolina já é vendida a R$ 4,45 em cidad…

GERAL

Morre menino de 8 anos que caiu de caval…

ESPORTES

ATLEC conquista o bicampeonato da Copa N…

ESPORTES

Damião é anunciado por time japonês insp…

POLÍCIA

Operação Hot Stamp cumpre mandados em Te…

TRÂNSITO

Radar com alcance de 1,2 km e drones ser…

ESPECIAL

Chuva avança para boa parte do Estado e …

POLÍCIA

Dupla é presa após agredir casal de idos…

SEGURANÇA

Em 12 dias, 14 bandidos morrem em confro…