Terça, 06 Fevereiro 2018 12:59

Suspeitos presos em Três Passos: um trabalhava no interior e outro foi liberado

Avalie este item
(7 votos)

Suspeitos estavam com duas motos de cor preta adulteradas. Foto: BM

Um grande movimentação policial causou tensão no centro da cidade na noite de segunda-feira, 5, em Três Passos. Dois suspeitos foram abordados pela Brigada Militar em um posto de combustíveis, tentaram fugir, um foi preso no local e outro adentrou em pátios de residências e estabelecimentos comerciais. Após cerco policial, acabou sendo preso na rua Miraguaí.

Os dois estavam de posse de duas motocicletas adulteradas, que foram apreendidas. Um dos presos era foragido da justiça de Ijuí desde 2014. Ele estaria trabalhando em uma granja no interior do município de Três Passos. Já o outro suspeito residiria em Ijuí e estaria visitando o irmão. Conforme a polícia, não houve elementos que configurassem sua prisão. Ele foi ouvido e liberado.

Inicialmente, os dois homens eram tratados como suspeitos dos últimos três assaltos ocorridos na cidade. Os roubos foram praticados por um elemento de motocicleta preta, sempre com mesmo modus operandi. A mesma cor das motos chamou a atenção de moradores, que avisaram a Brigada Militar. A Polícia Civil investiga se a dupla tem envolvimento nos crimes.

Ler 6427 vezes Última modificação em Quarta, 07 Fevereiro 2018 21:01

Usuários Online

Temos 59153 visitantes e Nenhum membro online

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REGIÃO

Incêndio atinge ala feminina de hospital…

SEGURANÇA

Fugitivo pode ter sido resgatado na ERS-…

ESPECIAL

HCTP esclarece sobre contrato de prestaç…

GERAL

Para combater fake news, WhatsApp vai li…

DIVERSOS

Matrículas e Rematrículas 2019 na Escola…

ESTADO

Após 7 anos de luta na Justiça, mãe de m…

ESPECIAL

Jovem tem dedo da mão mutilado pelo tráf…

ESPECIAL

Dois jovens são presos e uma menor apree…

REGIÃO

Polícia encontra cadáver que poderá ser …

TRÂNSITO

Acidente com ônibus deixa ao menos 14 fe…

INUSITADO

Vídeo de cadela buscando pão ‘sozinha’ n…

POLÍCIA

Delegado aponta possível vingança como c…