Zimmermann 970x150
Segunda, 12 Fevereiro 2018 07:00

Amor de carnaval sobe a serra? Veja dicas de como ter sucesso nessa missão

Avalie este item
(0 votos)

iG Delas

Manter as expectativas baixas, ficar de olho nos sinais que a pessoa dá e manter o papo leve são algumas formas de se dar bem na folia e depois dela

Além de calor, da música, do glitter e da festa que toma conta das ruas de diversas cidades do Brasil, outra coisa que costuma ser bem comum no carnaval é o clima de paquera e pegação. É claro que não dá para generalizar, mas não é nada difícil encontrar gente que usa esta época do ano para se libertar, conhecer gente nova, beijar na boca, descolar um “contatinho” fixo ou até um parceiro para um relacionamento mais sério.

Leia também: 6 coisas sobre sexo casual que você deve saber antes de virar adepta da prática

Quem disse que amor de carnaval não sobe a serra? Segundo psicóloga, é, sim, possível

Quem disse que amor de carnaval não sobe a serra? Segundo psicóloga, é, sim, possível "fisgar" aquele crush da folia

Foto: Shutterstock

Da mesma forma, porém, também não é incomum ouvir o famoso ditado: “amor de carnaval não sobe a serra”. Mas, afinal, será que isso é verdade? De acordo com Sarah Lopes, psicóloga da Hapvida Saúde, é, sim, possível manter um casinho mesmo após o término da folia. “Quando se fala em romance, as variáveis para que haja um encantamento são enormes”, comenta a psicóloga. Confira dicas do que fazer e do que evitar se quiser continuar saindo com alguém que conheceu nas festas:

1. Exercite a independência

De acordo com Cátia Damasceno, especialista em sexualidade, relacionamentos e criadora do projeto “Mulheres Bem Resolvidas”, na hora de conquistar alguém, é importante mostrar-se independente. Se prepare, portanto, para não se colocar à disposição de quem quer que surja na sua vida. Para a especialista, é importante segurar um pouco a carência e estar pronta para não ir com muita sede ao pote.

2. Não alimente as expectativas

É, sim, possível que você conheça pessoas com quem queira continuar saindo e que a relação de vocês acabe se tornando mais profunda mesmo após o carnaval, mas, para Cátia, é importante não criar expectativas. A especialista afirma que é um momento de diversão, não para sair de casa acreditando piamente que vai encontrar um amor para vida toda e acabar sofrendo se não conseguir “fisgar” ninguém depois da folia. E Sarah ainda acrescenta: “É justamente quando não se procura que se encontra”.

3. Atenção para os sinais

Você provavelmente já percebeu que, enquanto algumas pessoas não despertam nem um pouco de friozinho na barriga durante o beijo ou o sexo, outras criam uma bela química em momentos como esses. De acordo com Sarah, é importante, em um primeiro momento, tentar sentir esses sinais. A psicóloga aconselha prestar atenção no contato olho no olho, no quanto a pessoa te respeita e no quanto se esforça para ficar por perto de você durante o carnaval.

Se o carnaval acabar e vocês já engatarem um papo, Sarah afirma que é preciso continuar prestando atenção nos detalhes. “O interesse deve ser na pessoa, e não somente durante os primeiros cinco minutos”, comenta. Segundo a psicóloga, o fato de a pessoa perguntar sobre seus interesses, sua rotina e sobre as pessoas à sua volta indicam que ela está, sim, interessada em dar continuidade ao rolo.

4. Comporte-se com sinceridade

Se você conheceu alguém por quem se interessou e quer sair com ela outras vezes, deixe as fantasias apenas para o corpo e não mascare sua personalidade, já que não adianta nada se comportar como alguém que você não é na hora da conquista. “O ideal para que esse romance possa durar é ser quem você realmente é, independente do carnaval. Imagine que o outro está, da mesma forma, tentando agradar. Uma hora, a fantasia vai sair e você pode se frustrar ao se deparar com alguém que não é nada do que você estava esperando”, explica a psicóloga.

Ao mesmo tempo em que mostrar a personalidade é importante, Sarah afirma que isso não significa que você deva listar todos os seus defeitos para a pessoa ou deixar que eles aflorem. Apenas seja você mesma sem tentar fazer ou dizer coisas que não faria ou diria normalmente só para agradar a pessoa. “Aproveite o momento e o clima de alegria”, aconselha Sarah.

5. Capriche no bom humor

Não, você não precisa agir como uma verdadeira humorista, mas, de acordo com Cátia, ter um bom senso de humor é algo essencial para quem está tentando “fisgar” alguém romanticamente. Sendo assim, capriche na simpatia, não hesite em rir das piadas da pessoa e mantenha as conversas leves.

6.Mandar mensagem? Sim, mas sem sufocar

Depois da ficada, muita gente se vê sem saber se manda ou não aquela mensagem esperta para ver se o papo continua ou não. Para Sarah, se você sentiu uma química boa e interesse da outra parte, fazer isso é, sim, uma boa ideia. “Quando o outro está a fim mesmo, está inclusive esperando a mensagem. Perderá a oportunidade se não mandar”, aconselha a psicóloga, recomendando que o bom senso seja mantido.

Mande algo simples, uma piadinha, algo que inicie o papo de maneira leve. “Não precisa enviar uma declaração de amor. Seja sincero e aguarda o resultado, deixe a conversa fluir naturalmente”, indica a especialista. Se a resposta não rolar e o papo não fluir, nada de ficar pressionando a pessoa. Bola para frente!

Leia também:Por quefugimos da paquera quando a outra pessoa demonstra muito interesse?

7. Sem joguinhos

Algumas pessoas realmente só funcionam à base de joguinhos, gostam de ser perseguidas e de correr atrás, mas nem todo mundo é fã desse tipo de coisa. Ninguém tem bola de cristal, então não adianta tomar atitudes esperando insistentemente que a pessoa tenha determinadas respostas a elas, da mesma forma que nem tudo o que ela faz gira em torno do papo de vocês.

“Se ele demora para responder uma mensagem, pode ser que esteja ocupado, então não precisa demorar o mesmo tempo só para se fazer de difícil. Se você tem interesse, demonstre com tranquilidade e fique atenta se há reciprocidade”, comenta Cátia.

Curta sem se esquecer da proteção!

Tanto durante o carnaval quanto depois dele, a camisinha é indispensável, então nada de deixá-la para lá apenas por querer "agradar" a pessoa e continuar saindo com ela. Mesmo que vocês acabem estabelecendo uma relação mais constante após a folia, a saúde de ambos ainda vem em primeiro lugar!

Ler 89 vezes

Usuários Online

Temos 1028 visitantes e Nenhum membro online

VITRINE PUBLICITÁRIA

Procura-se distribuidor para erva-mate

Atacadão do Hortifruti

Green House

VIVO Multicell - Três Passos

Igreja Dom de Maravilha

Vende-se prédio comercial em Humaitá

Cláudia Decoração de Festas e Brinquedos…

Leitor Repórter

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DIVERSOS

Abertura da Campanha Lixo Eletrônico em …

REGIÃO

Jovem da região com doença degenerativa …

TRÂNSITO

Polícia usa tropa de choque e helicópter…

POLÍCIA

Homem que matou ex-companheira após sepa…

ESTADO

Começa a faltar combustível no interior …

TEMPO

Nova massa de ar polar faz frio aumentar…

TRÂNSITO

Dois caminhoneiros morrem em bloqueios d…

PAÍS

Agricultor familiar terá crédito especia…

ESPECIAL

Mobilização nacional dos caminhoneiros c…

JUSTIÇA

Justiça determina que amante tem direito…

ESPECIAL

SINE divulga vagas de emprego abertas em…

REGIÃO

Criança é esquecida dentro de ônibus esc…

...