Segunda, 12 Março 2018 13:30

Governo dos EUA libera vídeo de OVNI a ex-integrante da banda Blink-182

Escrito por Maria Luciana Rincón
Avalie este item
(0 votos)

Mesmo que você não seja um grande fã, você certamente já ouviu falar da banda de punk rock norte-americana Blink-182, certo? Pois, Tom DeLonge atuou como vocalista do grupo durante vários anos (de 1992 a 2005 e de 2009 a 2014), até decidir seguir carreira solo e se dedicar a outros projetos. Pois uma das coisas que ele faz hoje em dia é comandar um instituto de pesquisas chamado To The Stars Academy of Arts and Sciences — ou TTSA. E você sabe em que tipo de pesquisas esse instituto está focado? Em encontrar provas de que os aliens existem.

Tom DeLongeTom DeLonge (Hysteria Mag)

Isso mesmo, além de ser músico, DeLonge é um nome bem conhecido da ufologia e está completamente convencido de que os terráqueos não são a única civilização inteligente do Universo. E esta semana o TTSA virou notícia por ganhar acesso a um vídeo que se encontrava em posse do Departamento de Defesa dos EUA e que mostra o encontro entre pilotos da Força Aérea — a bordo de Boeings F/A-18 Super Hornet — e um objeto voador não identificado.

Incidente misterioso

De acordo com Kevin Litman-Navarro, do site Inverse, a sequência foi obtida pelo TTSA por meio de uma petição através da Freedom of Information Act — Lei pela Liberdade de Informação em tradução livre — e foi capturada em 2015. As cenas mostram o que os dispositivos de rastreio de um dos jatos, que estão entre os mais modernos e poderosos que existem no mundo atualmente, registraram durante um voo de reconhecimento.

Imagem de OVNIImagem em infravermelho capturada durante o encontro com o OVNI (YouTube/To The Stars Academy of Arts and Sciences)

O TTSA divulgou o vídeo sem cortes e, nele, é possível ver como o sistema de rastreamento trava sobre um pequeno objeto — que foi avistado voando em alta velocidade sobre o mar, na costa leste dos EUA. No trecho, como você poderá conferir a seguir, é possível ouvir os pilotos conversando enquanto acompanham toda a ação através de seus radares, assim como a surpresa nas vozes dos militares com relação ao que estão vendo. Assista:

Como você acabou de ver, o ponto branco — lembrando que as imagens foram capturadas em infravermelho e os objetos que liberam calor aparecem em branco — aparece por volta do minuto 1:25 e cerca de dez segundos mais tarde um dos pilotos trava o sistema de rastreio sobre o OVNI. É também nesse momento que podemos ouvir os pilotos realmente surpresos (e inclusive eufóricos) perguntando “que diabos” era aquilo que eles estavam vendo.

Um aspecto interessante a ser notado, segundo o pessoal do TTSA, é que os sensores presentes nos F/A-18 Super Hornets — ATFLIR Pod, de fabricação da Rayrtheon — são capazes de registrar o jato liberado pelos exaustores de aeronaves, mesmo quando elas estão viajando a baixas velocidades. No entanto, no caso do OVNI, os equipamentos não detectam absolutamente nada.

O canal do TTSA compartilhou o vídeo no YouTube na última sexta-feira (09) e, até o momento da publicação desta matéria, ele contava com quase 2,5 milhões de visualizações. Segundo explicaram, o incidente, embora tenha sido investigado pelo Departamento de Defesa dos EUA, permanece sendo tratado como fenômeno aéreo não identificado pelas autoridades norte-americanas. E você, caro leitor, o que acha que as cenas mostram?

Ler 191 vezes

Usuários Online

Temos 31232 visitantes e Nenhum membro online

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

TEMPO

Tempo esquenta nesta terça e máxima pode…

POLÍCIA

Jovem tenta matar a bisavó enforcada com…

ESPECIAL

Hospital de Caridade de Três Passos arre…

ESPECIAL

Vídeo – Explosão de transformador assust…

ESPECIAL

Saída de pista é registrada na BR-468, e…

REGIÃO

Cachorro é resgatado trancado dentro de …

TRÂNSITO

Colisão com caminhonete deixa ciclista f…

MODA

Relembre os momentos marcantes dos carna…

MODA

Veja algumas receitas das famosas para m…

MODA

Relembre galerias de fotos que a gente a…

MODA

Veja onze famosos que cresceram com o EG…

MODA

O EGO se despede e relembra flagrantes i…