Domingo, 15 Abril 2018 20:25

Brasil vence o Chile na abertura da fase final da Copa América feminina

Avalie este item
(0 votos)
Vitória por 3 a 1 foi a mais complicada do torneio até aqui Crédito: Lucas Figueiredo / CBF / Divulgação CP

O Brasil superou, nesta segunda-feira, seu desafio mais difícil na Copa América Feminina e manteve os 100% de aproveitamento na competição. Com ótimo público no Estádio La Portada, em La Serena, a seleção encarou as donas da casa, as chilenas, e venceu por 3 a 1 na abertura da fase final do torneio

Depois de liderar sem dificuldades o Grupo B na primeira fase, a seleção largou na frente no quadrangular final. A equipe soma os mesmos três pontos da Argentina, que surpreendeu a Colômbia também por 3 a 1.

Quinta-feira, o duelo será justamente diante das argentinas. Na rodada final, domingo, confronto com as colombianas.

A seleção brasileira começou em cima nesta segunda e quase marcou aos 19 minutos, quando Rafaelle arriscou de fora da área e acertou o travessão. Dois minutos depois, após cobrança de falta na área e desvio na marca no pênalti, novamente a trave impediu o gol. Só que no rebote, Mônica finalizou para a rede.

O ataque brasileiro se beneficiava da ampla vantagem na estatura e seguia levando perigo pelo alto. Aos 25, Marta cobrou falta para a área, Thaisinha ficou com a sobra e cruzou para Bia Zaneratto, que marcou de cabeça. Nove minutos mais tarde, Marta fez grande jogada e encontrou Thaisinha para fazer o terceiro.

O Chile pouco assustava e só levava perigo em chutes de longe. Aos 43, Lara tentou e obrigou Bárbara a fazer uma grande defesa. No segundo tempo, aos 17 minutos, a goleira não alcançou a finalização perfeita de fora da área de López, que diminuiu. Mas ficou nisso.

O campeão e o vice do torneio sul-americano garantirão lugar direto no Mundial de 2019, na França, enquanto o terceiro disputará repescagem contra um representante da Concacaf em busca de outra vaga. A seleção vencedora da Copa América também vai assegurar um posto na Olimpíada de Tóquio, em 2020, e a vice-campeã jogará repescagem contra uma nação da África por uma segunda vaga.

O Brasil faturou o título sul-americano em 1991, 1995, 1998, 2003, 2010 e 2014 e só não ficou com a taça de campeão em 2006, quando foi surpreendido pela Argentina na decisão realizada na casa da adversária. Com a ida à fase final, a seleção já garantiu vaga nos Jogos Pan-Americanos de Lima, em 2019.

Ler 35 vezes

Usuários Online

Temos 2541 visitantes e Nenhum membro online

VITRINE PUBLICITÁRIA

Atacadão do Hortifruti

Green House

VIVO Multicell - Três Passos

Igreja Dom de Maravilha

Vende-se prédio comercial em Humaitá

46ª FETRELI – Programação

Anuncie aqui

Leitor Repórter

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

POLÍCIA

Taxista é agredido e apedrejado após cor…

ESPECIAL

Jovens vítimas de acidente na BR-468 seg…

GERAL

Conheça os mitos e verdades sobre a vaci…

POLÍCIA

Procurado da Justiça é preso após fugir …

ESPECIAL

TJ e Defensoria Pública do RS estão com …

ESTADO

24 de abril é comemorado o Dia do Chimar…

ESPECIAL

Semana inicia com instabilidade e alerta…

TRÂNSITO

Veículo pega fogo no centro da cidade de…

GERAL

Saiba se alguém está espionando o seu Wh…

CURIOSIDADES

Depois de enfrentar urso e cobra, homem …

GERAL

Dormir tarde aumenta chance de morte pre…

ESTADO

Vídeo mostra morte de piloto durante cor…