Domingo, 17 Junho 2018 17:57

Brasil sai na frente, mas permite empate da Suíça na estreia na Copa

Avalie este item
(0 votos)

O Brasil deixou a desejar em sua estreia na Copa do Mundo da Rússia. O empate em 1 a 1 com a Suíça, em Rostov, não era o que o torcedor brasileiro esperava. A Seleção encontrou dificuldades e mostrou insegurança em certos momentos. Neymar não esteve em uma noite inspirada e a conhecida criatividade dos jogadores brasileiros pouco apareceu. O primeiro jogo de Tite e seus comandados mostrou que no Mundial não haverá facilidade.

 

A Seleção Brasileira começou o jogo nervosa, abusando das ligações diretas entre defesa e ataque. A Suíça parecia mais à vontade e chegou com perigo logo aos 3 minutos.

Shaqiri arrancou com a bola, centrou na área e Dzemaili finalizou por cima do gol de Alisson.

Foto: Jewel Samad / AFP / CP

Aos poucos o Brasil foi se soltando, passou a tocar mais a bola e tomou conta do jogo. Aos 10 minutos, após uma bela troca de passes entre Philippe Coutinho e Neymar, o camisa 10 foi à linha de fundo e cruzou, a zaga não conseguiu afastar e Paulinho desviou, mas a bola saiu raspando a trave esquerda.

Neymar voltou a aparecer aos 16. Com um lindo toque de calcanhar, ele deixou a bola para Coutinho, que achou Gabriel Jesus pelo lado esquerdo, o centroavante chutou cruzado e o goleiro Sommer segurou sem problemas.

O Brasil insistia e abriu o placar aos 19 minutos. Marcelo fez o cruzamento da esquerda, a zaga afastou mal, Philippe Coutinho pegou a sobra, ajeitou para a perna direita e desferiu um chute forte, colocado, no canto esquerdo de Sommer, a bola ainda bateu na trave antes de entrar, um golaço, 1 a 0.

Foto: Jewel Samad / AFP / CP

A vantagem parece ter arrefecido a intensidade de jogo do Brasil. O time relaxou e perdeu concentração. Mas a Suíça também não apresentava soluções ofensivas para chegar ao empate. No último lance da etapa inicial, Neymar cobrou escanteio, Thiago Silva subiu alto e cabeceou em meio aos zagueiros, a bola passou rente ao travessão.

O Brasil voltou para o segundo tempo com o mesmo time, a exemplo da Suíça. Atrás no placar, os suíços adotaram uma postura mais ofensiva e chegaram ao empate cedo. Aos 5 minutos, Zober aproveitou a cobrança de escanteio e cabeceou firme, sem chances para Alisson, 1 a 1.

Foto: Joe Klamar / AFP / CP

Miranda reclamou de um empurrão que teria levado de Zober no lance. A primeira alteração de Tite aconteceu aos 14 minutos. O volante Casemiro, que já tinha tomado o cartão amarelo, saiu para a entrada de Fernandinho. A Seleção Brasileira sentiu o gol. O time erra muitos passes e perdia a bola com facilidade. Com a igualdade, a Suíça ficou cômoda no jogo, se defendia bem e especulava nos contra-ataques.

Tite tentou mudar o panorama do jogo com Renato Augusto no lugar de Paulinho. Aos 24 minutos, Neymar deu ótimo lançamento para Coutinho dentro da área, o meia matou no peito, tirou o zagueiro do lance, mas finalizou torto, perdendo uma grande chance de recolocar o Brasil na frente. Na sequência, Gabriel Jesus recebeu na área, girou o corpo e foi derrubado pelo zagueiro. O árbitro mexicano Cesar Ramos mandou seguir o jogo e também não solicitou o árbitro de vídeo. Roberto Firmino foi para o jogo na vaga de Gabriel Jesus. A Seleção tentou o segundo gol na base da vontade, já que a equipe estava pouco inspirada. Aos 42 minutos, Willian cruzou, Neymar apareceu entre os zagueiros e cabeceou firme, Sommer fez boa defesa. O goleiro suíço ainda salvou em outra finalização de cabeça, dessa vez de Firmino.

Nos acréscimos, Miranda perdeu boa chance de dar a vitória ao Brasil, mas o placar ficou mesmo no 1 a 1. O Brasil volta a jogar na sexta-feira, dia 22, quando encara a Costa Rica, em São Petersburgo, na segunda rodada do Grupo E.

 

STATS // #BRASUIpic.twitter.com/Y25EyLi4Wu — FIFA World Cup ?? (@FIFAWorldCup) 17 de junho de 2018

Ficha técnica

BRASIL (1)

Alisson; Danilo, Thiago Silva, Miranda e Marcelo; Casemiro (Fernandinho), Paulinho (Renato Augusto) e Philippe Coutinho; Willian, Neymar e Gabriel Jesus (Firmino).

Técnico: Tite

SUÍÇA (1)

Sommer; Lichtsteiner (Lang), Schär, Akanji e Rodriguez; Behrami (Zakaria), Xhaka (Embolo), Dzemaili, Shaqiri e Zuber; Seferovic

 

Técnico: Vladimir Petkovic.

Gols: Philippe Coutinho, aos 20 minutos do primeiro tempo. Zuber, aos 5 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Lichtsteiner, Casemiro, Schär, Behrami.

Árbitro: César Ramos (Fifa/México).

Local: Arena Rostov, em Rostov (Rússia)

Ler 585 vezes Última modificação em Segunda, 18 Junho 2018 14:01

Usuários do Dia

Temos 16140 visitantes e Nenhum membro online

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ESPECIAL

Detentos jurados de morte são transferid…

POLÍCIA

Homem é preso por contrabando de cigarro…

POLÍCIA

Jovem é apreendido por tráfico de drogas…

JUSTIÇA

Relação de eleitores faltosos aos três ú…

SEXO

Orgasmo pode ser atingido mais facilment…

ESPECIAL

Homem que se afogou em açude segue inter…

ESPECIAL

Homem procurado da Justiça é preso na ci…

POLÍCIA

Jovem desaparecido é localizado às marge…

INUSITADO

Veículo invade estabelecimento comercial…

MUNDO

Casal de velhinhos comete suicídio para …

POLÍCIA

Imagens mostram atropelamento de catador…

REGIÃO

Sine oferece mais de 70 vagas de emprego…