Quarta, 04 Julho 2018 09:04

Casal comemora 70 anos de casados em Nova Candelária

Avalie este item
(1 Votar)

Casal que cultivava uvas comemorou Bodas de Vinho no dia 26 de junho. Foto: Divulgação

O ano é 1948, quando no dia 26 de junho disseram “sim” um ao outro, o casal Raimundo Centenaro e Helena Gregório. Um dia memorável que marca o início de uma grande história de um casal, cuja vida ofereceu a chance de conviverem felizes por muitos anos, a união abençoada por Deus e pelos seus pais.

O relacionamento iniciou quando ainda eram muito jovens, Helena com 12 anos e Raimundo 17 iniciaram um namoro que durou 6 anos. Após Raimundo completar 23 anos e Helena 17, assumiram o compromisso perante ao altar da Igreja de constituírem uma nova família, resultando no nascimento de 13 filhos. São eles, na respectiva ordem: Geni, Venilda, José, Leusi, Jacinta, Francisco, Miguel, Mariano, Lucia, Teresinha, Inês, Irene e Rosane.

Raimundo nasceu no dia 29 de maio de 1925, em Nova Pádua, 2º Distrito do município de Nova Trento, comarca de Caxias – RS. Helena veio ao mundo no dia 07 de fevereiro de 1931 na comunidade de Manchinha, pertencente ao município de Três de Maio.

Alguns anos após o casamento, fixaram moradia na localidade de Bom Jardim, hoje pertencente ao município de Nova Candelária, onde permanecem até a atualidade.

O casal, ele aos 93 anos e ela aos 87, relembram os anos de casados e todas as dificuldades enfrentadas pela família. “Somos gratos a Deus pela nossa vida e família. Todo casamento deveria seguir as orientações da Igreja para dar certo, assim como o nosso”, disse Raimundo. Dona Helena afirma que sua maior alegria é ver as fotos que estão espalhadas por todas as paredes da casa, exaltando a gratidão do casal pela família constituída por eles.

Quando questionados sobre o segredo de um casamento de 70 anos, eles comentam: “Trabalhamos muito, mas sempre juntos. Produzíamos nosso vinho e tomávamos juntos. Fomos e somos felizes”, ressaltou o casal.

Com 49 netos, 57 bisnetos e uma tataraneta, Raimundo e Helena esbanjam simpatia e demonstram com muita simplicidade que para ser feliz não é preciso muito, e que mesmo diante as dificuldades que a vida, a saúde e a idade lhes encarrega, ambos estão lá para se ajudarem e serem o apoio um do outro, como deve ser a vida em matrimônio.

Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Nova Candelária

Ler 1153 vezes Última modificação em Quarta, 04 Julho 2018 09:06

Usuários Online

Temos 1457 visitantes e Nenhum membro online

VITRINE PUBLICITÁRIA

Astor Mallmann – Representante Telha Cer…

Green House

VIVO Multicell - Três Passos

Igreja Dom de Maravilha

Campeão de audiência

Vende-se prédio comercial em Humaitá

Anuncie aqui

Leitor Repórter

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

GERAL

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 72 mil…

POLÍCIA

Relojoaria é assaltada no centro de Três…

FENÔMENO

Maior eclipse lunar do século, 'lua de s…

DIVERSOS

Projeto Vereador Mirim é desenvolvido em…

DICAS

Gratidão – Como essa emoção pode ajudar …

ESPECIAL

Motorista relata aparição de mulher de b…

INUSITADO

Vídeo do último indígena sobrevivente de…

POLÍCIA

Quadrilha ataca banco com explosivos no …

ESPECIAL

Médico esquece pano na barriga de pacien…

TEMPO

Primeiro o calor, depois a chuva e agora…

GERAL

No Brasil, Facebook chega a 127 milhões …

CIDADE

Festa do Colono e Motorista é atração em…

...