Quarta, 08 Agosto 2018 16:01

TRF nega novo pedido do PT para Lula participar de debate na TV

Avalie este item
(0 votos)

iG São Paulo

Desembargadora Cláudia Cristina Cristofani entendeu que o partido não possuí legitimidade para fazer o pedido em nome do ex-presidente

Lula não poderá participar de debate na Band nesta quinta-feira (9)

Lula não poderá participar de debate na Band nesta quinta-feira (9)

Foto: Reprodução/Le Monde

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região, sediado em Porto Alegre, decidiu rejeitar novo pedido feito pelo PT para autorizar a participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no debate na Band que será realizado nesta quinta-feira (9), às 22h, na TV Bandeirantes, com candidatos à Presidência da República nas eleições de outubro.

Na decisão, a desembargadora CláudiaCristinaCristofani entendeu que o PT não tem legitimidade para fazer o pedido em nome de Lula. Na segunda-feira (6),a juíza Bianca Arenhartnegou que Lula participasse do debate na Band.

Lula está preso desde 7 de abril, na sede da Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba, em função de sua condenação a 12 anos de prisão na ação penal do caso do tríplex do Guarujá (SP). Para o PT, como pré-candidato, Lula tem direito de participar do debate.

De acordo com o partido, o pedido de registro de candidatura do ex-presidente deve ser protocolado no dia 15 de agosto, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Após o registro, o tribunal vai avaliar se Lula será enquadrado na Lei da Ficha Limpa, que impede a candidatura de condenados por órgãos colegiados.

PT quer cadeira vazia em debate na Band

PT que que debate na Band seja parecido com o de 2006 e que um púlpito vazio foi colocado no lugar de Lula

PT que que debate na Band seja parecido com o de 2006 e que um púlpito vazio foi colocado no lugar de Lula

Foto: Reprodução/TV Globo

Na terça-feira (7), o PT afirmou que caso o ex-presidente fosse impedido de participar do debate, iria pedir uma cadeira vazia, como símbolo desua ausência forçada ao evento.

"O princípio da igualdade de condições na disputa eleitoral garante que o ex-presidenteLula, como candidato, tenha os mesmos direitos que os seus adversários, inclusive na participação em debates e entrevistas", diz o partido. "Caso a justiça não assegure este direito ao candidato, o partido requer que a transmissora mantenha uma cadeira vazia representando sua ausência forçada ao debate".

O PT lembra ainda que essa não seria aprimeira vez que um espaço destinado a Lula em umdebateficaria vago. Afinal, em 2006, quando ele também era candidato e não pôde comparecer ao encontro, uma medida semelhante foi adotada.

Leia também:PT fará debate com Haddad e Manuela durante evento com presidenciáveis na Band

"Em 2006, aRede Globonão apenas manteve o púlpito destinado ao então candidato à reeleição, mesmo com sua ausência, mas também permitiu que os outroscandidatos à Presidênciafizessem perguntas a ele em todos os blocos do programa", defende o partido. "A Band também várias vezes usou lugares vazios para indicar quando um candidato não comparece” ao debate na Band, diz.

Ler 103 vezes

Galeria de Imagens

Usuários Online

Temos 4943 visitantes e Nenhum membro online

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

TRÂNSITO

Três vítimas fatais em acidente na BR-28…

ESPECIAL

Criança de 5 anos sofre choque elétrico …

ESPECIAL

Em manifestação pró-Bolsonaro, eleitores…

POLÍCIA

Jovem desaparece após sair de casa em Te…

TRÂNSITO

Acidente deixa dois feridos na ERS-155, …

ESPECIAL

Morre vítima de acidente entre carro e m…

GERAL

Usuários relatam que celulares foram adi…

REGIÃO

Homem morre em acidente com trator no No…

TEMPO

Saiba com será o tempo na próxima semana…

REGIÃO

Homem ficou ferido ao cair de telhado em…

GERAL

TSE abre ação para investigar suspeita c…

ESTADO

Rio Grande do Sul tem 55 vítimas de este…