Quarta, 08 Agosto 2018 16:01

TRF nega novo pedido do PT para Lula participar de debate na TV

Avalie este item
(0 votos)

iG São Paulo

Desembargadora Cláudia Cristina Cristofani entendeu que o partido não possuí legitimidade para fazer o pedido em nome do ex-presidente

Lula não poderá participar de debate na Band nesta quinta-feira (9)

Lula não poderá participar de debate na Band nesta quinta-feira (9)

Foto: Reprodução/Le Monde

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região, sediado em Porto Alegre, decidiu rejeitar novo pedido feito pelo PT para autorizar a participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no debate na Band que será realizado nesta quinta-feira (9), às 22h, na TV Bandeirantes, com candidatos à Presidência da República nas eleições de outubro.

Na decisão, a desembargadora CláudiaCristinaCristofani entendeu que o PT não tem legitimidade para fazer o pedido em nome de Lula. Na segunda-feira (6),a juíza Bianca Arenhartnegou que Lula participasse do debate na Band.

Lula está preso desde 7 de abril, na sede da Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba, em função de sua condenação a 12 anos de prisão na ação penal do caso do tríplex do Guarujá (SP). Para o PT, como pré-candidato, Lula tem direito de participar do debate.

De acordo com o partido, o pedido de registro de candidatura do ex-presidente deve ser protocolado no dia 15 de agosto, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Após o registro, o tribunal vai avaliar se Lula será enquadrado na Lei da Ficha Limpa, que impede a candidatura de condenados por órgãos colegiados.

PT quer cadeira vazia em debate na Band

PT que que debate na Band seja parecido com o de 2006 e que um púlpito vazio foi colocado no lugar de Lula

PT que que debate na Band seja parecido com o de 2006 e que um púlpito vazio foi colocado no lugar de Lula

Foto: Reprodução/TV Globo

Na terça-feira (7), o PT afirmou que caso o ex-presidente fosse impedido de participar do debate, iria pedir uma cadeira vazia, como símbolo desua ausência forçada ao evento.

"O princípio da igualdade de condições na disputa eleitoral garante que o ex-presidenteLula, como candidato, tenha os mesmos direitos que os seus adversários, inclusive na participação em debates e entrevistas", diz o partido. "Caso a justiça não assegure este direito ao candidato, o partido requer que a transmissora mantenha uma cadeira vazia representando sua ausência forçada ao debate".

O PT lembra ainda que essa não seria aprimeira vez que um espaço destinado a Lula em umdebateficaria vago. Afinal, em 2006, quando ele também era candidato e não pôde comparecer ao encontro, uma medida semelhante foi adotada.

Leia também:PT fará debate com Haddad e Manuela durante evento com presidenciáveis na Band

"Em 2006, aRede Globonão apenas manteve o púlpito destinado ao então candidato à reeleição, mesmo com sua ausência, mas também permitiu que os outroscandidatos à Presidênciafizessem perguntas a ele em todos os blocos do programa", defende o partido. "A Band também várias vezes usou lugares vazios para indicar quando um candidato não comparece” ao debate na Band, diz.

Ler 140 vezes

Galeria de Imagens

Usuários Online

Temos 65725 visitantes e Nenhum membro online

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ESPECIAL

Condutor embriagado provoca acidente com…

SEGURANÇA

Quadrilha que planejava executar delegad…

POLÍCIA

Mulher é presa acusada de matar filha de…

ESTADO

Assembleia libera consumo de bebidas alc…

GERAL

CNJ aprova novo auxílio-moradia de até R…

TRÂNSITO

Ônibus com estudantes se envolve em acid…

TEMPO

Chuva continua e calor pode chegar a 36°…

ESPECIAL

Assaltantes de banco passam por necropsi…

POLÍCIA

Moradora de Crissiumal cai no golpe do b…

GERAL

WhatsApp deve limitar ainda mais o encam…

ESTADO

Aprovada prorrogação das alíquotas eleva…

JUSTIÇA

Estudante de medicina é condenado a 14 a…