Quinta, 09 Agosto 2018 21:22

Viagem Segura de Dia dos Pais reforça fiscalização de sexta-feira a domingo

Avalie este item
(0 votos)

Foto: Reprodução

O Dia dos Pais movimenta muita gente que se desloca pelas estradas por todos os pontos do estado. Com a média de uma morte no trânsito a cada três horas e vinte e cinco minutos, a data mobiliza as autoridades, que realizam, a partir da zero hora desta sexta-feira (10), a 91ª edição da Operação Viagem Segura. A fiscalização concentrada se estende por três dias, até a meia-noite de domingo (12).

A reunião preparatória aconteceu na terça-feira (7), no Círculo Militar, em Porto Alegre, sob a coordenação do DetranRS, que apresentou dados estatísticos de infrações de trânsito e de acidentalidade com vítimas fatais nas Operações Viagem Segura anteriores. A análise aponta que o Dia dos Pais ocupa a segunda posição no ranking de acidentalidade em feriados e datas festivas, com média de 7,2 óbitos por dia de Operação Viagem Segura, atrás apenas do Dia das Mães (8,3 óbitos/dia).

Uma análise da data nos últimos 11 anos aponta um pico de acidentalidade fatal em 2012, quando morreram 33 pessoas em três dias. A menor média histórica foi em 2016 (3,3 mortes/dia), mas voltou a subir em 2017 (média de 8,7 mortes/dia). Nos últimos dez anos, 236 vidas foram perdidas no fim de semana de Dia dos Pais.

Quando se observa a distribuição das mortes pelos três dias de deslocamentos (sextas, sábados e domingos) de 2007 a 2017, destaca-se o sábado como o período de maior concentração de mortes ? 9,3 em média, contra 6,2 na sexta-feira, e 8,1 no próprio domingo. A noite concentra a acidentalidade fatal nos três dias, superando as manhãs, tardes e madrugadas por larga margem.

Essas mortes aconteceram predominantemente nas rodovias (71%), sendo 40% em federais e 31% em estaduais. Vinte e uma vidas foram perdidas no município de Porto Alegre. Passo Fundo também foi destaque negativo nesse ranking, com 14 óbitos, seguido por Rio Grande e Pelotas, com oito mortes cada um. Dentre as rodovias, as que registraram maior acidentalidade fatal foram a BR 116 (20 óbitos), a BR 386 e a BR 290 (18 óbitos cada uma) e a BR 285 (17 óbitos).

Governo do RS

Ler 126 vezes Última modificação em Sexta, 10 Agosto 2018 11:32

Usuários Online

Temos 1353 visitantes e Nenhum membro online

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

TRÂNSITO

Três vítimas fatais em acidente na BR-28…

ESPECIAL

Criança de 5 anos sofre choque elétrico …

ESPECIAL

Em manifestação pró-Bolsonaro, eleitores…

POLÍCIA

Jovem desaparece após sair de casa em Te…

TRÂNSITO

Acidente deixa dois feridos na ERS-155, …

ESPECIAL

Morre vítima de acidente entre carro e m…

GERAL

Usuários relatam que celulares foram adi…

REGIÃO

Homem morre em acidente com trator no No…

TEMPO

Saiba com será o tempo na próxima semana…

REGIÃO

Homem ficou ferido ao cair de telhado em…

GERAL

TSE abre ação para investigar suspeita c…

ESTADO

Rio Grande do Sul tem 55 vítimas de este…