Terça, 09 Outubro 2018 11:46

Furacão Michael atinge a Flórida com ventos de até 250 km/h

Avalie este item
(0 votos)

Potencial é 'catastrófico', segundo NHC. Cerca de 500 mil pessoas receberam ordem ou alerta para deixar suas casas. Furacão Michael é visto da Estação Espacial Internacional nesta quarta-feira (10) NASA via AP O furacão Michael chegou nesta quarta-feira (10) ao estado da Flórida, Estados Unidos, com ventos de até 250 km/h. O olho do furacão atingiu o território americano perto de Mexico Beach, informa o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC, sigla em inglês). O potencial de destruição do Michael é catastrófico, segundo o NHC. São previstos ventos fortes, chuvas intensas e ondas gigantes. Numa escala até 5, ele é classificado como um furacão de categoria 4.
Cerca de 500 mil pessoas receberam ordem ou alerta para deixar suas casas. Afinal, o que há no olho do furacão? O centro prevê que o Michael seja rebaixado a um ciclone pós-tropical na sexta. Ele atravessará o sudeste dos EUA até voltar a sair para o Oceano Atlântico. Furacão Michael atinge a Flórida Juliane Monteiro/G1 Donald Trump participa de reunião sobre resposta ao furacão Michael nesta quarta-feira (10) no Salão Oval da Casa Branca Jonathan Ernst/Reuters Michael é considerado extremamente perigoso e pode provocar mortes. Esta será a tempestade mais forte em termos de velocidade do vento a atingir o país neste ano, informou a CNN, citando o meteorologista Michael Guy. O presidente Donald Trump falou nesta quarta sobre o furacão e anunciou que deve viajar para área atingida por Michael no domingo ou na segunda-feira. 'Tempestade monstro' Cerca de 3,7 milhões de pessoas estão sob alerta de furacão nas regiões de Panhandle e Big Bend, assim como no sudeste do Alabama e no sul da Geórgia. O governador da Flórida, Rick Scott, classificou Michael como uma “tempestade monstro” e fez um apelo para que as pessoas obedeçam às ordens de esvaziamento. Pessoas que estão nesta quarta-feira (10) em um abrigo montado, em Panama City, por causa da aproximação do furacão Michael Brendan Smialowski / AFP O Serviço Meteorológico Nacional na capital do estado, Tallahassee, afirmou que o furacão Michael é “um fenômeno sem precedentes e não pode ser comparado com nenhum dos anteriores”. “Não arrisque sua vida, saia agora se você recebeu a ordem para fazer isto", afirma o comunicado. Temporada de furacões Michael chega aos EUA semanas depois do furacão Florence ter deixado 50 mortos e um rastro de devastação nas Carolinas do Norte e do Sul. No ano passado, uma série de furacões atingiu o Atlântico ocidental. Os mais devastadores foram Harvey no Texas, Irma no Caribe e Flórida e Maria, que atingiu o Caribe e deixou quase 3 mil mortos no território americano de Porto Rico. A temporada de furacões no Atlântico termina em 30 de novembro. Como se forma um furacão Arte/ G1
Ler 111 vezes

Usuários do Dia

Temos 53703 visitantes e Nenhum membro online

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

CIDADE

Homem que se afogou em açude segue inter…

ESPECIAL

Homem procurado da Justiça é preso na ci…

POLÍCIA

Jovem desaparecido é localizado às marge…

FENÔMENO

Maior superlua de 2019 iluminará o céu n…

INUSITADO

Veículo invade estabelecimento comercial…

MUNDO

Casal de velhinhos comete suicídio para …

ESPECIAL

Jovem é apreendido por tráfico de drogas…

POLÍCIA

Imagens mostram atropelamento de catador…

REGIÃO

Sine oferece mais de 70 vagas de emprego…

DIVERSOS

Palestra com Tiago Linck dá início ao an…

REGIÃO

Jovem vítima de acidente de trabalho sou…

SEGURANÇA

Mais uma fuga de presos é registrada no …