Quarta, 31 Outubro 2018 00:48

CPERS orienta educadores a cruzar os braços nesta quinta-feira contra o não pagamento do salário

Avalie este item
(0 votos)

Foto: CPERS

Simbolizando todo o desrespeito e covardia que marcaram seu mandato, o governador divulga, por meio da imprensa, que não receberemos o nosso salário em dia pelo 35º mês consecutivo. Pior: a primeira faixa salarial, ainda indefinida, será paga apenas no dia 12 de novembro. Mesmo com o aumento acumulado de 4% na arrecadação do ICMS de janeiro a agosto de 2018, crescimento 1,14% acima da inflação, o Governo se mostra incapaz de honrar o mais básico dos seus compromissos.

Nesta quinta-feira (1º), orientamos a paralisação de toda a rede estadual em protesto pelo descaso e a situação de miséria dos servidores do Rio Grande do Sul.

Reprovado pelos gaúchos, Sartori desconta seu fracasso nas urnas nos trabalhadores e trabalhadoras. Incompetente, não conseguiu organizar as contas em quatro anos e insiste em sangrar e humilhar quem trabalha diariamente para entregar serviços públicos de qualidade. O pior governo da história do Rio Grande do Sul está com os dias contados.

CPERS

Ler 799 vezes Última modificação em Quinta, 01 Novembro 2018 09:43

Usuários Online

Temos 161271 visitantes e Nenhum membro online

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DIVERSOS

Pavimentação asfáltica em Tiradentes do …

ESPECIAL

Justiça proíbe exigência da prefeitura q…

POLÍCIA

Jovem desaparecido é encontrado sem vida…

ESTADO

Gasolina no RS tem preço mais alto do su…

GERAL

PIS começa a pagar R$ 1,3 bi a quase 2 m…

JUSTIÇA

Médico é preso por dopar e abusar sobrin…

ESTADO

Governo pretende unificar telefones de e…

GERAL

Precisamos de conversas mais sinceras - …

ESPECIAL

Homem que se diz profeta e irmão de Jesu…

SEGURANÇA

Cerca de 200 caixas de desodorantes e 20…

POLÍCIA

Mulher é morta com facada no peito na ci…

PAÍS

Relatório alerta que há 45 barragens sob…