Sábado, 12 Janeiro 2019 13:33

Ex-moradora de Três Passos encontra mãe e irmãs que não conhecia pela primeira vez

Avalie este item
(1 Votar)

Ana Paula e Juliana, mãe e outra irmã, Angelina. Foto: Arquivo Pessoal

A história emocionante de uma moradora de Mato Grosso, Ana Paula Borges dos Anjos, que procurava uma irmã, adotada recém-nascida por um morador de Três Passos, ganhou um desfecho feliz na última quarta-feira, 9, em Curitiba - PR. O caso contou com a ajuda do Três Passos News que descobriu a cidade onde residia o pai adotivo e o nome da irmã, Juliana Henkes, informações determinantes para que a pessoa procurada fosse localizada.

O encontro

O primeiro contato entre as duas irmãs aconteceu, no dia 14 de julho, por chamada de vídeo via WhatsApp. Depois elas voltaram a conversar e o encontro combinado acabou acontecendo esta semana, quando as irmãs finalmente se conheceram no Paraná. Neste primeiro encontro, marcado por muita emoção, a mãe biológica e a outra irmã de Juliana, que residem atualmente no Pará, vieram juntas com Ana Paula. A mãe e as três irmãs planejam se encontrar de novo nas próximas férias em Mato Grosso, quando Juliana conhecerá o restante da família.

Juliana Henkes residiu, por alguns anos, em Três Passos com seus pais adotivos. Ela, inclusive, estudou na Escola Érico Veríssimo. Sobre o encontro com a mãe e as irmãs que ainda não conhecia, Juliana deu o seguinte depoimento ao Três Passos News:

“Estou muito feliz por estar pela primeira vez junto de minha família de sangue. Foi muito emocionante poder abraçar minha mãe e minhas irmãs.

Eu fui adotada com 4 dias, e meus pais adotivos sempre me contaram a verdade que eu não era filha legítima deles. Mas nunca fui procurar, pois não sabia nem por onde começar. Nem nome certo ou cidade em que poderiam estar.

Hoje estou muito feliz, pois agora tenho duas mães. Uma do coração que me criou com todo amor e carinho e outra de sangue que acabei de conhecer e que já está conquistando seu lugar especial na minha vida. E duas irmãs que tenho agora, pois sempre quis ter irmãos, mas meus pais adotivos não tiveram outros filhos.”

Entenda o caso

No dia 3 de julho de 2018, uma moradora de Tabaporã, próximo a Sinop – MT, pediu ajuda para localizar o paradeiro de sua irmã que poderia estar residindo em Três Passos. Conforme Ana Paula Borges dos Anjos, de 40 anos, sua irmã foi entregue recém-nascida para o senhor Reinaldo Henkes, natural de Crissiumal, que acreditava morar em Três Passos. “A única coisa que sabemos é o nome deste senhor e da cidade”, disse ao Três Passos News.

Após a divulgação no site, descobriu-se através de informações de moradores de Crissiumal que Reinaldo Henkes havia se mudado para Hulha Negra, no Oeste do RS, e que sua filha adotiva tinha o nome de Juliana. O Três Passos News pediu auxílio à Brigada Militar daquele município, que passou a tentar localizá-los, mas sem êxito. Ao mesmo tempo, Ana Paula e familiares passaram a procurar por Juliana nas redes sociais. E foi assim que a irmã, hoje com 37 anos, que se acreditava estar em Hulha Negra, foi localizada na cidade de Curitiba – PR.

Ler 3469 vezes Última modificação em Domingo, 13 Janeiro 2019 08:17

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ESPECIAL

Tensão aumenta e há risco de confronto n…

ESPECIAL

Prefeitura abre concurso público e proce…

ESPECIAL

Homem é socorrido após acidente de traba…

POLÍCIA

Preso escondia nove celulares, isqueiro…

INUSITADO

Agricultor colhe melancia com 30 kg no N…

GERAL

Gerente de banco se senta no chão para a…

TRÂNSITO

Funcionária de universidade morre em aci…

TRÂNSITO

Motorista de ônibus fica preso às ferrag…

POLÍCIA

Polícia Civil encontra corpo de caminhon…

GERAL

Vídeo - Casal agride catador no centro d…

SEGURANÇA

PRF amplia fiscalização com o uso de dro…

INUSITADO

Indivíduos passeiam de ambulância e asse…