Foto: Reprodução

Em dezembro de 2016, a psicóloga Heather Lindsay foi diagnosticada com câncer de mama e recebeu a notícia de que dificilmente não conseguiria se curar. Após receber essa sentença de morte, o parceiro David Mosher quis mostrar para a amada que ela não lutaria sozinha. Para surpreendê-la, ele preparou uma noite especial para pedi-la de casamento mesmo sabendo que logo ficaria viúvo.

“Ela precisava saber que não iria seguir nesta estrada sozinha”, afirma David em entrevista ao canal de televisão americano “WFSB”. O pedido de casamento foi feito em um passeio de carruagem e mesmo sabendo que deixaria o parceiro viúvo precocemente, ela disse “sim”.

O tempo foi passando, cerca de um ano depois, o casal recebeu péssimas notícias, o câncer de Lindsay estava cada vez mais agressivo e em setembro de 2017, a doença se espalhou pelo cérebro. Entendendo a gravidade da situação, o casal achou melhor começar a planejar o casamento.

Casamento antecipado

A psicóloga poderia falecer a qualquer instante, mesmo assim decidiu seguir em frente com a ideia e o grande dia escolhido pelo casal foi 30 de dezembro de 2017. Entretanto, os médicos disseram que ela provavelmente não sobreviveria até a data. Sendo assim, adiantaram a cerimônia para o dia 22 de dezembro, na capela do hospital. Foram convidados apenas familiares e amigos próximos.

O momento foi mágico e cheio de emoção, mas em menos de um dia, Lindsay acabou não resistindo e faleceu. As últimas palavras da psicóloga foram literalmente os votos do casamento. “Eu a vi com muita dor, mas ela não desistiu até se casar comigo”, desabafa o noivo que em menos de 24h horas perdeu a esposa.

Ter que passar pelo funeral da esposa e pelo dia 30 de dezembro (primeira data que escolheram para casar) não foi algo fácil, mas David garante que sempre terá sempre o apoio espiritual de Lindsay consigo. “Ela é meu grande amor, eu a perdi, mas não estou perdendo para sempre”, finaliza o viúvo.

 

iG 

Publicado em MUNDO

Foto: Reprodução

Em São Petersburgo, Rússia, o casamento de Yulia Agranovych e Nazar, chegou ao fim após a esposa notar um similaridade com algumas fotos postadas por uma terceira pessoa. Yulia estava navegando no Instagram quando se deparou com uma paisagem comum para ela. Era praticamente a mesma vista da varanda do quarto do casal.

“Não estava procurando por nada específico, era uma manhã normal. Comecei a navegar e, de repente, vi essa foto. Quando entrei no perfil, encontrei muitas imagens similares”, contou ao jornal Daily Mail. O pior é que não havia apenas fotografias da vista do quarto, mas também selfies com o marido dela.

A esposa, antes de confrontá-lo, decidiu comentar no post: “Bela vista da janela do quarto do meu marido”. Ao falar com ele, Nazar despistou e disse que tinha convidado alguns amigos para assistir a um filme e beber alguma coisa. “Quando os convidados chegam, eles vão para a cozinha tomar um drinque, não para o quarto”, disse a jovem.

No entanto, a mentira durou pouco. A amante confirmou que os dois tinham um caso. Assim, o casamento acabou. Mais tarde, a esposa traída divulgou a história na televisão russa e acabou ganhando várias apoiadoras. “Muitas ficaram orgulhosas da minha bravura e estão se livrando dos maridos traidores também”, disse.

 

Metrópoles

Publicado em INUSITADO

Foto: Reprodução

Segundo o IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística O número de casamentos civis no Brasil está diminuindo. De acordo com a pesquisa Estatísticas do Registro Civil 2016, divulgada nesta terça-feira (14), o País registrou 1.095.535 uniões em 2016, uma queda de 3,7% no total de casamentos em relação a 2015.

A redução foi observada tanto nos casamentos entre cônjuges de sexos diferentes quanto entre cônjuges do mesmo sexo, com exceção das regiões Sudeste e Centro-Oeste, que apresentaram aumento nos casamentos civis entre pessoas do mesmo sexo, de 1,6% (de 3.077 para 3.125 casamentos) e 7,7% (de 403 para 434 casamentos), respectivamente.

Em relação a todo o Brasil, dentro do total de 1.095.535 uniões, 1.090.181 foram entre pessoas de sexos diferentes e 5.354 entre pessoas do mesmo sexo. Nas uniões civis entre cônjuges solteiros de sexos diferentes, os homens casam-se, em média, aos 30 anos, e as mulheres, aos 28 anos. Nas uniões entre pessoas do mesmo sexo, a idade média no casamento era de cerca de 34 anos, tanto para homens quanto para mulheres.

Divórcios

Ao mesmo tempo em que menos pessoas se uniram pelo País, foram concedidos 344.526 divórcios em 1ª instância ou por escrituras extrajudiciais, um aumento de 4,7% em relação a 2015, quando foram registrados 328.960 divórcios.

Em média, o homem se divorcia mais velho que a mulher, com 43 anos dele contra 40 dela. No Brasil, o tempo médio entre a data do casamento e a data da sentença ou escritura do divórcio é de 15 anos.

A maior proporção das dissoluções ocorreu em famílias constituídas somente com filhos menores de idade (47,5%) e em famílias sem filhos (27,2%). A guarda dos filhos menores é ainda predominantemente da mãe e passou de 78,8% em 2015 para 74,4% em 2016. A guarda compartilhada aumentou de 12,9% em 2015 para 16,9% no ano passado.

Nascimentos

A pesquisa do IGBE também considerou o número de nascimentos registrados no País no ano passado: 2.793.935 e uma redução até maior que a de casamentos civis. Foram 5,1% a menos na comparação com 2015, quando foram contabilizados 2.945.344 nascimentos. Foi a primeira queda desse número desde 2010.

 

iG/Agência Brasil

Publicado em COMPORTAMENTO

Usuários Online

Temos 422 visitantes e Nenhum membro online

VITRINE PUBLICITÁRIA

Atacadão do Hortifruti

Green House

VIVO em Três Passos

Igreja Dom de Maravilha

Vende-se ou troca-se casa em Ijuí

JYM Studio

9 MILHÕES DE ACESSOS EM 2017

Leitor Repórter

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ESPECIAL

Chuva diminui e aumenta a nebulosidade n…

INUSITADO

Fotógrafa exagera no photoshop e álbum d…

TRÂNSITO

Motorista perde a vida em acidente com c…

REGIÃO

Prefeitura de Crissiumal lança Seleção P…

ESTADO

Mega Sena sai para duas apostas na mesma…

REGIÃO

Três prefeituras oferecem vagas de estág…

ESPECIAL

Jornal TP NEWS TV

ESTADO

Jogador da base do Grêmio é vítima de af…

GERAL

Quem tem direito à meia-entrada, ou seja…

ESPECIAL

Motorista embriagado se envolve em acide…

POLÍCIA

Detentos são atacados a tiros e um morre…

POLÍCIA

Polícia apreende quase 200 pedras de cra…