Foto: Reprodução

São competidores cada vez mais altos, fortes, rápidos e ágeis. O conceito de que grande massa muscular e estatura acima da média são sinônimo de lentidão e inabilidade faz parte do passado. Quase todas as modalidades esportivas convivem hoje com uma geração de superatletas.

Talvez o maior exemplo desta evolução física seja o grego Giannis Antetokounmpo, que joga na NBA (principal liga de basquete dos Estados Unidos). Trata-se de um armador do Milwaukee Bucks que mede 2,11 metros e pesa 100 quilos. Apesar da envergadura de 2,26 metros, Giannis apresenta velocidade e habilidade impressionantes em quadra, o que o torna uma das principais atrações do melhor basquete do mundo.

Treinamentos específicos para cada trabalho muscular ou físico, aliados a ingestão de suplementos alimentares, garantem um desempenho excepcional para esses novos atletas. “Só é bom lembrar que o talento esportivo ainda é essencial. Ninguém ensinou Muhammad Ali a lutar boxe ou Pelé a jogar futebol”, disse Laércio Bertanha, há três décadas professor de Educação Física no Brasil.

Muhammad Ali e Pelé possuem os seus sucessores na atualidade. Cristiano Ronaldo foi eleito recentemente o melhor jogador de futebol do mundo pela quinta vez. Aos 32 anos, o atacante português é um “rato de academia”, mas está atualizado com o que tem de mais moderno no estudo da fisiologia. Cristiano Ronaldo se submete a um tratamento de DNA que faz com que ele perca um quilo de peso corporal por temporada até os 35 anos. Com isso, o astro do Real Madrid, de 1,85 metro e 84 quilos, pretende manter a massa física, a velocidade e a resistência para continuar em alto nível até o fim da carreira.

O britânico Anthony Joshua é o campeão dos pesos pesados, com 20 nocautes em 20 vitórias. Sua equipe de treinamento reúne 20 pessoas. Terapeutas, fisioterapeutas, médicos e osteopatas tratam de seu corpo e tentam evitar lesões. “Anthony treina seis vezes por semana, três vezes ao dia. São quatro horas de boxe e quatro horas de exercícios específicos para os músculos, a fim de dar maior força, flexibilidade e prevenir lesões”, informou o técnico Robert McCraken. Joshua pesa 115 quilos e tem 1,98 metro de altura.

Na Olimpíada de Londres, em 2012, o britânico ganhou a medalha de ouro com 95 quilos, o mesmo que Ali tinha no auge de sua carreira nos anos 60.

Outro que contrariou a opinião geral dos estudiosos foi o jamaicano Usain Bolt, que, apesar de medir 1,95 metro, superava a largada ruim nos 100 metros rasos com uma espantosa aceleração na parte final da prova. Isso o fez ganhar o tricampeonato olímpico. Antes de Bolt, os atletas, em sua modalidade, tinham no máximo dez centímetros a menos de altura.

No vôlei é comum os times formarem sextetos com todos os jogadores muito perto ou acima dos dois metros de altura. Mesmo assim, os atletas apresentam agilidade incrível para saltar e “dar peixinhos” durante as duas horas de duração, em média, das partidas. “A evolução não ocorre apenas na parte técnica das modalidades. A fisiologia no esporte teve avanço enorme nos últimos anos e ajudou para que os atletas pudessem realizar funções que antigamente não eram possíveis”, atestou Bertanha.

Para ser considerado um superatleta não é preciso ser também um garoto. Aos 36 anos, o suíço Roger Federer se mantém entre os maiores nomes do tênis, e graças a um trabalho de treinamento que é feito antes e depois dos dias de jogos. Tudo para manter o corpo preparado e equilibrado, mesmo com a idade avançada.

SÓ DEUS – “Antigamente, era mais importante ter talento para se tornar um craque no futebol. Hoje, além do talento, é preciso ser um atleta”, disse Turíbio Leite de Barros, doutor em Fisiologia do Esporte, que trabalhou 25 anos no São Paulo e que está há um ano e meio morando em Boca Raton, na Flórida, nos Estados Unidos, onde trabalha como consultor de um empresa fabricante de suplementos alimentares.

O futuro vai dizer se os superatletas vão dominar o esporte ou se vão continuar apenas a ser exceções em modalidades. “Só Deus pode responder isso”, brincou o professor Bertanha.

 

Isto é

Publicado em ESPORTES

Foto: Divulgação

O município de Bom Progresso irá realizar, no próximo dia 11/11, a partir das 9h, o seu maior evento esportivo do meio rural. A 10ª edição dos Jogos Rurais Sol a Sol deve reunir um público aproximado de 450 pessoas. Na sede dos Jogos, comunidade Lajeado Anacleto, estão sendo demarcados os espaços das 15 modalidades desportivas.

De acordo com a extensionista da Emater/RS-Ascar, Anelise Kehl, as provas devem ser disputadas por seis equipes, nas seguintes modalidades esportivas: cabo de guerra, futsal, bocha 48, serra de lenha misto, canastra misto, bolão de corda misto, corrida do saco individual, chute no pneu individual, corrida de bicicleta, arremesso de milho no cesto, tiro ao alvo de bodoque, bolão de corda misto, debulha de milho, vôlei misto, desfile da garota mirim, garota Sol a Sol e, acima de 55 anos, Casal Simpatia.

“Tendo em vista que a recreação revigora o físico, a mente e o espírito, os Jogos Rurais Sol a Sol procuram fortalecer os laços comunitários, criando oportunidades de encontro entre as famílias, integrando pessoas de diversas faixas etárias em um momento único de lazer e diversão em torno de uma motivação participativa e solidária”, disse Anelise.

“Além disso, os Jogos Rurais Sol a Sol estimulam as pessoas da comunidade a trabalharem em rede e a assumirem decisões de acordo com suas próprias regras internas, como, por exemplo, a decisão de gerir os recursos obtidos durante o evento”, completou a extensionista da Emater/RS-Ascar.

Em 2016, o troféu Campeão dos Jogos Rurais Sol a Sol foi arrematado por jogadores de três comunidades, Linha Cavalcante, Sanga da Senhorinha e Vila Nelson Bones.

Este ano, participam dos jogos, 14 comunidades: Linha Biriva, Lajeado Pinhalzinho, Linha Schumann, Linha Vizinhal, Linha Cavalcante, Sanga da Senhorinha, Vilson Nelson Bones, Lajeado Anacleto, Lajeado Biriva, Lajeado Pessegueiro, Madeirã, Vau do Horácio, Linha dois Irmãos e Olhos d` Água.

A 10ª edição dos Jogos Rurais Sol a Sol é promovida pela Emater/RS-Ascar, prefeitura de Bom Progresso e comunidade de Lajeado Anacleto. São patrocinadores do evento, Banrisul e Governo do Estado. Também apoiam a iniciativa Cotricampo, Sicredi, Câmara Municipal de Vereadores, Brigada Militar e Sindicato dos Trabalhadores Rurais.

Confira a programação:

9h – Abertura oficial

10h30min – Jogos

12h30min – Almoço (carreteiro, cuca, mandioca e saladas)

18h – Jogos

18h – Divulgação do resultado

 

 Emater

Publicado em RAPIDINHAS
Quarta, 08 Novembro 2017 09:21

Jogos do Varzeano de Tiradentes do Sul

Foto: Ilustração

Rodada a rodada o Campeonato Varzeano de Tiradentes do Sul tem mostrado sua grandeza em partidas de tirar o fôlego. No feriado de Finados na sede o jogo entre Guarani x Esperança, ficou com o placar de 1 x 1, nos Aspirantes, já no Principal o time de Alto Uruguai levou a melhor ganhando de 4 x1. Em Lajeado Bonito se enfrentaram Sol de América x Internacional, Aspirante 1 x 1, no Principal a equipe da casa se sobressaiu sobre o visitante, com um placar de 2 x 0.

No domingo o também em Lajeado Bonito, tivemos Atlético x Guarani, nos Aspirantes o placar ficou 2 x 2, no Principal manteve-se a igualdade também ficando em 2 x 2.

Sábado teremos dois jogos em Esperança do Sul, se enfrentam Esperança x Sempre Alegre, Internacional x Ser soberbo, na sede.

 

Assessoria de Imprensa

Publicado em ESPORTES

Foto: Reprodução

Agora restam mais quatro partidas na competição. No sábado (11/11), o Inter volta a campo para enfrentar o Vila Nova-GO, às 16h30, no Beira-Rio. Ainda enfrentará Oeste (fora), Goiás (fora) e Guarani (casa).

 

Em uma partida disputada em ritmo intenso na noite desta segunda-feira, em Lucas do Rio Verde-MT, o Internacional empatou em 2 a 2 com o Luverdense. O time da casa abriu o placar muito cedo, com menos de um minuto de jogo, mas o Colorado buscou o empate ainda na etapa inicial, com Leandro Damião. O Luverdense ficou novamente em vantagem com gol marcado na largada do segundo tempo. Pouco depois, Damião fez mais um e garantiu um ponto fora que mantém o Inter na liderança isolada do Campeonato Brasileiro da Série B, com 63 pontos, sem possibilidade de ser superado nesta rodada pelo vice-lider América-MG (60 pontos e com duas vitórias a menos do que o Clube do Povo).

Publicado em ESPORTES

Usuários Online

Temos 676 visitantes e Nenhum membro online

NOTÍCIAS RECOMENDADAS

Óptica Visual - Super promoção de óculos

VIVO em Três Passos

1ª Feira Comercial e Agrícola em Campo N…

Lucas Pneus e Acessórios

Mauri Cabeleireiro

Colchões Ortobom

Igreja Dom de Maravilha

Green House

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

EDUCAÇÃO

21ª CRE volta a ter uma professora como …

BICHOS

Estudo aponta que ter um cachorro reduz …

SEXO

Oito dicas de como apimentar a relação m…

CURIOSIDADES

Doença rara faz com que pele de mulher s…

COMPORTAMENTO

Enquanto divórcios crescem, casamentos c…

ESPORTES

Esporte vive a era dos superatletas com …

MODA

Calça que parece coxa de frango? Confira

FAMOSOS

Rede Globo é acusada de plagiar vídeo em…

SAÚDE

Metade das pessoas com diabetes não sabe…

DICAS

Confira receita caseira e natural para d…

VARIEDADES

Especialistas dizem que beber cerveja nã…

ESPECIAL

Caso Sofhia: Mãe do bebê de 2 meses já f…