Foto: Reprodução

 

Maqueiros de um hospital de Salvador (BA) foram demitidos, na terça-feira, 30, após gravarem e publicarem um vídeo nas redes sociais dançando “Que Tiro Foi Esse?”, da funkeira Jojo Todynho. Os memes usando a música ganharam as redes sociais desde o lançamento da música.

Nas imagens, dois homens aparecem caindo no chão, usando uniformes do hospital. Outros dois fazem a gravação do vídeo.

A Santa Casa de Misericórdia da Bahia, que administra o Hospital Santa Izabel, onde os funcionários trabalhavam, confirmou a demissão dos quatro. Em nota, a Santa Casa informou que os funcionários “estavam em horário de trabalho, sem autorização expressa da instituição, e que deixaram pacientes esperando pelos seus serviços para gravar um vídeo de humor”.

 

Metrópoles

Publicado em GERAL

Foto: Reprodução

 

Se você foi um dos tantos internautas que pararam por alguns segundos para assistir ao vídeo do ratinho tomando banho, vale a pena dedicar alguns minutos para ler esta matéria. Você foi enganado (nós também). Duplamente enganado, aliás. Não, aquele animal não era um rato. E, não, ele não estava tomando banho. Mas, sim, o vídeo é real.

Segundo apuração do NewsWeek, o animal é um roedor bípede, típico da América do Sul, mais especificamente do Peru, país onde o vídeo teria sido gravado. Trata-se de um pacarana. E o pior: ele não estava tomando banho.

Ao que tudo indica, alguém colocou a espuma sobre o corpo do animal. Na tentativa de se livrar do sabão, o roedor esfrega o corpo. Os gestos se parecem com os de alguém que se ensaboa, mas não é bem isso.

Como outros roedores, para se limpar, os pacaranas lambem o corpo, assim como fazem os gatos. Por sorte, especialistas ouvidos pelo NewsWeek e que assistiram ao vídeo afirmam que, embora um tanto desconfortável, o animal não estava sofrendo.

 

Gaúcha ZH

Publicado em INUSITADO

Foto: Reprodução

Por decisão da 2ª Vara Cível de Torres, a Associação Educadora São Carlos, mantenedora do Hospital Nossa Senhora dos Navegantes (HNSN), está condenada a indenizar por danos morais os pais de homem filmado durante procedimentos de emergência. O vídeo, feito com um celular, foi compartilhado em redes sociais. O casal, autor da ação, irá dividir o valor do ressarcimento por danos morais, fixado em R$ 25 mil para cada autor. Cabe recurso.

Caso

A vítima foi levada ao hospital após ser ferida na cabeça por disparo de arma de fogo. A filmagem acompanha a realização pelos enfermeiros dos procedimentos de praxe. Para a Juíza Rosane Ben da Costa, mesmo que as imagens não tenham sido tomadas por funcionários, as provas dão a entender que o autor fosse um policial militar – a responsabilidade da instituição de saúde está verificada.

“O só fato dessa gravação ter ocorrido, ainda que por terceiro, mas em meio a um atendimento médico de emergência que se realizava em sala do HNSH, revela uma omissão do referido nosocômio no que diz com a garantia da intimidade e/ou privacidade dos pacientes”, disse a magistrada.

A Juíza destacou o fato de uma enfermeira e uma técnica em enfermagem terem claramente percebido a gravação e, inclusive, uma delas, respondido a questionamento de quem fazia o vídeo. Fato que, segundo a magistrada, vai contra o “dever de todo hospital” de orientar seus funcionários “para que não permitam o ingresso de terceiros de posse de telefones celulares”.

Na sala de atendimento ao paciente havia 11 pessoas, entre funcionários do hospital, do SAMU e policiais. Sobre o valor do ressarcimento, a Juíza da Costa espera que a condenação possa compensar os autores da ação pelo sofrimento e dano moral “irreparável”, e agir de forma pedagógica para o hospital.

O Estado do Rio Grande do Sul aparece na ação como corréu – em função da participação de agentes do SAMU no atendimento -, mas não teve responsabilidade reconhecida sobre o episódio.

 

TJRS

Publicado em JUSTIÇA

Foto: Vídeo: Reprodução

Coisas horríveis acontecem quando bebemos demais, especialmente para as mulheres. Quando estão bêbadas, as senhoras são vulneráveis ao abuso, a ponto de serem violadas sem consentimento. Sua fé depende inteiramente daqueles que estão ao seu redor. Muitas vezes, não, muitos aproveitarão de você quando já desmaiou. Hoje em dia vivemos em um mundo terrível.

Dito isto, o seguinte vídeo descreve como as mulheres devem ser tratadas quando estão muito bêbadas. Enquanto parece que o homem está prestes a se aproveitar dela, o que acontece depois nos envia uma mensagem importante. O final envia uma poderosa mensagem de que os homens devem tratar todas as mulheres com respeito, não importa quão bêbadas elas estejam.

"Este vídeo é um exemplo claro de como os homens devem tratar as mulheres. É feito para que você possa juntar-se e tratá-las da maneira que elas merecem". Eu sei que você foi enganado por este vídeo, mas espero que você aprenda uma ou duas coisas. Tirar partido de uma mulher bêbada não é uma coisa boa a fazer. Se não tratá-las com respeito, quem irá?

 

24 Horas News

Publicado em GERAL

Foto: Reprodução

Um vídeo postado no Twitter já alcançou quase 1,5 milhões de visualizações em poucos dias por apresentar um conteúdo emocionante: um garotinho de 4 anos cantando em homenagem à irmã falecida. O post foi feito pelo pai e já parou em canais de TV.

“Meu filho cantando ‘Remember Me’, do filme ‘Coco’ [no Brasil, ‘Viva – A Vida é uma Festa!’] para sua irmãzinha Ava, que perdemos em maio passado. Ele tem só 4 anos e entende [o falecimento]. Nem sabia que estava sendo gravado, só queria cantar pra ela pelo seu primeiro aniversário”, escreveu Samir Deais, morador de San Antonio, Texas.

Samir, procurado pelo jornal local “My San Antonio”, explicou à reportagem que a filha morreu em decorrência de uma hidronefrose, que afeta os rins e a bexiga. A garota era apenas um bebê e para Samir, “em tempos obscuros, presenciar cenas adoráveis como essas [o filho cantando] faz tudo parecer mais bonito”. No vídeo, o pequeno toca guitarra em frente à fotografia da irmã.

 

Metrópoles

Publicado em MUNDO

Concentração ocorre nos fins de semana no local. Foto/Vídeo: Internauta/TP News

O trevo de acesso ao antigo aeroporto, conhecido por “trevão”, na BR-468, voltou a ser frequentado por pessoas desconhecidas nas noites de fim de semana, em Três Passos. Na madrugada do último sábado, 9, um internauta gravou um briga de mulheres no local. As brigonas foram separadas pela turma do “deixa disso” e ninguém ficou ferido.

Publicado em CIDADE

Foto: Reprodução

 

No Facebook, o salvamento já tem mais de 1,7 milhão de visualizações de um médico de Imaruí, no Sul de Santa Catarina, que trouxe um passarinho de volta à vida depois de mais de dez minutos de reanimação cardíaca. Airto Aurino Fernandes, 64 anos, não pensou duas vezes depois do sabiá-laranjeira bateu com força contra uma vidraça. Ele recolheu o animal e iniciou os procedimentos, até que ouviu um pio. A euforia tomou conta de quem estava por perto, e mais uma vida foi salva.

— Já fiz muito esse procedimento em pessoas, que é meu trabalho, minha obrigação, mas em animal é a primeira vez que fiz. Foi uma coisa espontânea, partiu de dentro de mim, foi inédito. Nem eu esperava que o bichinho iria sobreviver. O carro pifou, pra eu salvar aquele passarinho — conta.

No trajeto até uma das oito comunidades que atende no interior de Imaruí, o carro que levava a equipe pifou na subida do morro. Sem sinal de celular, a solução foi voltar parte do caminho a pé, até a propriedade de um amigo. Foi nesse local que o passarinho se chocou contra a vidraça, e o médico com 40 anos de experiência entrou em ação.

— Bateu e caiu mortinho no chão, na hora fui lá naquele ímpeto de querer ajudar. A primeira filmagem a enfermeira até desistiu pois estava demorando, achou que não ia dar. Eu não desisto nunca, a gente tem que trabalhar até o que der, sou muito persistente nisso. O bichinho reanimou, coloquei ele num arbusto baixinho, ele voou para uma árvore maior e foi embora, realmente ressuscitou — comenta.

O vídeo começou a circular e os amigos se encarregaram de compartilhar com pessoas de fora da cidade. Em uma das publicações no Facebook, o salvamento já tem mais de 1,7 milhão de visualizações. A página da prefeitura da cidade também compartilhou a história, que já ultrapassa 12 mil exibições. O médico até utiliza as redes sociais, mas não imagina a repercussão da história.

— Fiquei surpreso, de repente um site dos Estados Unidos me entrevistou, sites, jornais. Nem imaginava que um ato assim, simples, pudesse ter essa repercussão, um ato de bondade — resumiu.

 

Gaúcha ZH

Publicado em BICHOS

Usuários Online

Temos 120709 visitantes e Nenhum membro online

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

SEGURANÇA

PRF flagra mais de 2 mil veículos acima …

TRÂNSITO

Criança presa à cadeirinha é encontrada …

GERAL

Brasil tem a maior carga tributária do m…

ESPECIAL

Por que apesar da previsão ainda não cho…

POLÍCIA

Jovem de 17 anos é encontrada morta com …

ESPECIAL

Mulher desaparecida é encontrada sem vid…

TRÂNSITO

Mulher morre atropelada na ERS-330, entr…

DIVERSOS

Nova médica chega a Tiradentes do Sul pe…

ESPECIAL

Verão terá temperaturas acima da média e…

POLÍCIA

Familiares procuram por mulher desaparec…

TRÂNSITO

Novas placas padrão Mercosul custarão R$…

DENÚNCIA

Confirmado que agrotóxico causa prejuízo…