Internacional
Foto: Reprodução

A polícia do Paraguai acaba de confirmar que o agricultor gaúcho Luis Carlos Tamiozzo, 61 anos, conseguiu escapar do cativeiro e está sob custódia da polícia neste momento, no distrito de Caazapá.

O fim do sequestro, que iniciou no dia 13 de junho, aconteceu em um momento de oportunismo. O agricultor de Augusto Pestana revelou que fugiu no momento em que um dos sequestradores saiu de casa para buscar comida do outro lado de um riacho.

Tamiozzo foi sequestrado em sua propriedade, no distrito de Tava’i, departamento de Caazapá, por dois homens armados. Primeiro, os bandidos renderam o capataz do local. Na sequência, renderam o gaúcho.

O agricultor e o capataz foram levados como reféns, mas o funcionário foi liberado no caminho. Em depoimento à polícia, o capataz relata que os bandidos chegaram por volta das 9 horas do dia 13 de junho. Depois de lhe renderem, começaram a perguntar sobre o fazendeiro.

Quando o alvo chegou à fazenda, os criminosos começaram a exigir que entregasse US$ 50.000,00. O brasileiro teria dito que não tinha toda a quantia, momento em que um dos bandidos teria ido até os fundos da residência e efetuado três disparos. À polícia, o agricultor disse que se alimentou de milho cru.

Clic JM