Denúncia
Foto: Reprodução

A crueldade contra um animal chocou a comunidade de São Miguel das Missões nesta quinta-feira(23), e o fato causou revolta nas redes sociais, além de pedido de ajuda. 

Os internautas da comunidade expuseram uma foto de uma gata e revelou que o animal sofreu estupro e tortura.

O animal totalmente machucado, apresenta sinais de tortura, e estupro. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil, e o criminoso, se encontrado, será enquadrado na nova lei de proteção aos animais, o que dá cadeia e multa. A PL 1.095/2019 prevê pena prevista de 2 a 5 anos de prisão.

RELATO DOS INTERNAUTAS

Animal é encontrado com sinais e evidências de estupro em São Miguel das Missões

Um caso de violência contra animais, chocou a comunidade de São Miguel das Missões. Por volta das 17h30min, de quinta-feira, 22, a Associação Miguelina de Proteção aos Animais – AMIPA, recebeu denúncia de moradora do bairro Alegria, que havia aparecido em sua residência uma “gatinha”, com as patas traseiras quebradas e sinais de violência em suas genitálias. 

Uma voluntária da AMIPA, imediatamente foi ao local e constatou que havia fortes evidência que o animal havia sido estuprado, além de ter as patas fraturada. 

Ainda no dia ontem o animal  recebeu os primeiros atendimentos em clínica veterinária e será no dia de hoje encaminhado a Ijuí para atendimento, onde deverá passar por cirurgia.

Rádio Cidadesa