Educação
Foto: 21ª CRE

Na sexta-feira, 23 de abril, a 21ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE / Três Passos) fez uma transmissão ao vivo aberta às equipes diretivas de todas as escolas estaduais de sua área de abrangência. Na ocasião, a partir da fala da coordenadora, Ledi Daiana Diesel, continuada por componentes da equipe pedagógica, foi informada, com detalhes, a decisão do governo do estado de permitir o sistema de cogestão do Distanciamento Controlado, agora também para a educação.

O decreto nº 55.852 publicado no Diário Oficial do Estado nesta quinta-feira, 22, determina o retorno presencial dos alunos do 1º e 2º anos do Ensino Fundamental na próxima segunda-feira, 26, para os municípios que adotaram o sistema de cogestão, o que representa a quase totalidade dos municípios gaúchos. Esta decisão do governo foi pautada nos dados que indicam uma considerável baixa na demanda por leitos clínicos e de UTIs nos hospitais do Estado. A queda de casos de internações – por Covid – verifica-se em todas as macrorregiões do RS.

Em decorrência do citado decreto, todas as escolas estaduais retornam às atividades presenciais na próxima segunda-feira, 26, com seus professores e funcionários. O atendimento da comunidade escolar será mediante agendamento seguindo os protocolas estabelecidos pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Professores e funcionários de escolas que pertencem aos grupos de risco, ou seja, apresentam quadro de comorbidades, tenham 60 anos ou mais, permanecem em suas casas. Estes serão temporariamente substituídos por profissionais para esta finalidade contratados.

Durante todo o ano de 2020, até esta data, foi realizada uma força tarefa com as escolas visando a organização do retorno presencial para que este ocorra de maneira segura e acolhedora. Assim sendo, todas as escolas já receberam os devidos Equipamentos de Proteção individual para o uso de estudantes, funcionários e professores. Serviços de manutenção e higienização especial, disponibilidade de álcool em gel também são providências adotadas. O Coe local que trata do Plano de Contingência para Prevenção, Monitoramento e Controle, inclusive, trabalha ativamente na fiscalização visando fazer cumprir dos protocolos estabelecidos.

A 21ª CRE continua em contato direto com as equipes diretivas das escolas estaduais de sua abrangência, mantendo-as constantemente informadas. A liberação das aulas presenciais para os demais níveis de ensino, segundo o governador, Eduardo Leite, depende da melhoria dos indicadores da pandemia.

Comunicação Social – 21ª CRE