Saúde
Foto: Arquivo Pessoal

A Secretaria Municipal de Saúde confirmou a morte de mais um bebê vítima do novo coronavírus em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina. Leonardo Schwambach, de 1 ano e 4 meses, morreu na segunda-feira (8), no Hospital Unimed. A família confirmou nas redes sociais o falecimento dele.

O pequeno nasceu prematuro de 27 semanas e seis dias em outubro de 2019. Ele precisou passar por uma traqueostomia para conseguir respirar porque o pulmão não se formou direito.

No Instagram, Leonardo tinha uma página dedicada a mostrar o seu dia a dia, onde também recebia mensagens de melhoras. Os pais do menino também estão com coronavírus, mas se recuperam em casa.

O pai de Leonardo agradeceu as mensagens de apoio em uma rede social e comentou: “Covid levou nosso menino, nosso brilho, o que nos ensinou sobre milagre… meu guerreiro Leo.”

Mortes de crianças

Cinco óbitos de crianças por coronavírus foram registrados na região Oeste de Santa Catarina desde março do ano passado. Os casos aconteceram em Chapecó (2), Quilombo (1), Palmitos (1) e Passos Maia (1).

Em Chapecó, o primeiro óbito foi registrado em 16 de fevereiro. Uma bebê de 1 mês e 28 dias, que estava internada há sete dias no HRO (Hospital Regional do Oeste).

Em 23 de fevereiro, um bebê de 10 meses morreu em Chapecó, também vítima da doença. A criança, no entanto, morava no município vizinho de Quilombo, a 50 quilômetros da maior cidade do Oeste catarinense.

Em Santa Catarina, 17 crianças de até nove anos morreram pela Covid-19. No entanto, o óbito de Leonardo ainda não foi incluído na tabela do estado.


RS Agora com informações ND+/Chapecó.org