Mundo
Foto: Reprodução

A CNN divulgou com exclusividade nesta terça-feira, que a Rússia pode ter uma vacina aprovada para a Covid-19 em até duas semanas. O medicamento poderia estar certificado até a metade de agosto.

De acordo com fontes do governo russo, o medicamento, após aprovado, será de domínio público.

Especialistas, no entanto, pedem cautela. A Rússia não publicou nenhum estudo científico sobre a vacina. Críticos alertam, também, para uma possível pressão política do Kremlin. Além disso, há chances de os testes em humanos estarem incompletos.

A Rússia tem, até o momento, mais de 800 mil casos de Covid-19 confirmados.

Correio do Povo