Segurança
Foto: Divulgação

O governo do Estado concretizou nesta terça-feira (5/1) uma mudança de paradigma no suporte de proteção aos policiais gaúchos. Em cerimônia em frente ao Palácio Piratini, na capital, o governador Eduardo Leite e o vice-governador e secretário da Segurança Pública, delegado Ranolfo Vieira Júnior, entregaram à Polícia Civil 41 viaturas semiblindadas zero quilômetro – outras quatro estão em produção e chegam nos próximos meses. É a primeira vez na história do RS que efetivos das forças de Segurança Pública recebem veículos, adquiridos pelo Estado, com proteção balística para uso na rotina de policiamento e operações.

Crissiumal está entre os municípios contemplados.

A instituição gaúcha é a primeira Polícia Civil do país a receber viaturas com escudo balístico. O investimento total para a aquisição dos 45 veículos do modelo Duster, da Renault, foi de R$ 6.190.614,45. A verba tem origem em emenda da bancada federal gaúcha no Congresso, proposta em 2019 no total de R$ 6.194.813,00 (R$ 5.473.314,00 do repasse da União e R$ 721.499,00 de contrapartida financeira do RS) – a diferença, resultado do processo final de licitação, retorna para o governo federal.

O êxito na gestão do convênio permitiu aquisições acima das metas planejadas. A previsão inicial era de compra de 41 viaturas por R$ 151.093,00 cada (preço do orçamento para aprovação do projeto), uma por município, conforme indicação realizada pelos deputados federais e senadores gaúchos na proposição da emenda, em 2019. Com a economia da licitação realizada pelo governo, que fixou o valor unitário de R$ 137.569,21, foi possível utilizar a sobra do recurso para aquisição de outros quatro veículos, também um por cidade, com destinação definida pelo planejamento da Polícia Civil.

Secom RS