Justiça
Foto: Rede Social

Ainda sem encontrar o suspeito pelo ataque e mortes de 3 pessoas em Porto Xavier, no domingo (12), a Polícia Civil (PC) solicitou à justiça a prisão preventiva da mesma, sendo aceita e decretada pelo Poder Judiciário, na tarde desta segunda-feira (13).

Ezequiel da Rosa, 36 anos, continua na situação de foragido, após os crimes.

De acordo com a PC, após abandonar o veículo na Linha Secção D, interior de Porto Xavier, Ezequiel não foi mais visto.

Com a decretação da prisão preventiva, Ezequiel passa à condição formal de foragido.

Equipes policiais seguem as buscas.

VEJA TAMBÉM

Portal RD