Tempo
Rio Uruguai em Itapiranga/SC. Foto: Arquivo/Luís Carlos Pez

Os próximos dias continuarão com chuva, ventos fortes e mar agitado no Rio Grande do Sul. A instabilidade é causada pela formação de um ciclone extratropical no Estado nesta semana,  que resulta em grandes volumes de chuva e ventos de até 100km/h, principalmente nas regiões NorteLitoral Norte e Serra.  Com a ressaca do oceano no Litoral Norte, são esperadas ondas de 3,5 metros de altura, mas que podem chegar a 4 metros em alguns pontos.

De acordo com o Climatempo, a instabilidade segue na quarta-feira (4), com exceção da Campanha Fronteira Oeste, onde o sol aparece com nuvens e sem chuva. As demais áreas do Rio Grande do Sul seguem com nebulosidade e potencial para chuva volumosa. É também esperado vento forte no Litoral, Serra e Região Metropolitana de Porto Alegre.

A chuva deve continuar na Região Central e na Serra, mais concentrada durante a manhã e tarde, com altos acumulados. Em Porto Alegre, a quarta-feira será de tempo instável, com temperatura mínima de 17°C e máxima de 19°C.

Na quinta-feira (5), os efeitos do ciclone extratropical chegam ao fim, e uma massa de ar seco e frio chega ao Estado. Por isso, as condições do tempo se estabilizam na Região Oeste. No entanto, ainda é esperada chuva na Serra e em Porto Alegre, mas de forma isolada e com volumes mais baixos. 

As temperaturas continuam baixas, principalmente na Campanha e Fronteira Oeste. O vento continua com rajadas que podem atingir até 60km/h no Litoral Norte e Serra. O oceano fica mais calmo, mas segue com ressaca na parte norte.

A tendência é que, no fim de semana, com a entrada de uma massa de ar polar, o Estado fique sem chuva. A exceção é a Serra, onde ainda pode chover de maneira isolada e fraca. As temperaturas continuam baixas e há riscos para geada em alguns pontos do Estado.

Receba as notícias do Três Passos News no seu celular:

https://chat.whatsapp.com/HZcQ9vXiMIN1GC4kHcXcvC

Gaúcha ZH