Estado
Foto: Reprodução

Após uma cerimônia religiosa de umbanda, 55 pessoas testaram positivo para o coronavírus em Bagé, na Região da Fronteira.

Ao todo, eram mais de 100 participantes no evento. Dias depois, explica a prefeitura, parte começou a apresentar sintomas da doença. Em torno de 80 pessoas foram testadas.

A comemoração foi no fim do mês de junho. A Vigilância em Saúde suspendeu por 90 dias o alvará de atividade da casa onde ocorreu a festa.

Bagé chegou a ser a cidade do interior com mais casos de coronavírus, no início da pandemia. O ritmo de contaminação desacelerou, e de acordo com o último boletim do governo do estado, a cidade é a 47ª em número de infectados, com 189. A primeira morte pela doença no município foi confirmado no último domingo (12). Bagé é uma das duas regiões classificadas em bandeira laranja no Estado.

Uma pessoa está internada em UTI com suspeita da doença, e outras três pacientes de Covid-19 estão em leitos clínicos.

Rádio Uirapuru