Tempo
Foto: Reprodução

Entramos no último mês do inverno de 2020. A primavera no Hemisfério Sul vai começar oficialmente no dia 22 de setembro. O frio ainda poderá surpreender nas últimas semanas deste inverno, com o avanço de fortes frentes frias. Porém, as novas massas polares, mesmo intensas, não devem conseguir atingir o Brasil com a força e abrangência desta grande onda de frio que passou pelo país entre 19 e 23 de agosto. A tendência agora é que o ar frio intenso atue sobre o extremo sul do Brasil, atingindo especialmente o Rio Grande d Sul.

Frio intenso e neve

Os modelos numéricos de previsão do tempo estão indicando um padrão muito interessante para o início de setembro de 2020. Pelas últimas rodadas,  duas massas de ar frio podem entrar no Brasil, com intensidade moderada.

A primeira chega ao Rio Grande do Sul no dia 1 de setembro. Algumas simulações computacionais indicam que a onda de frio vem forte, com uma massa de ar polar intensa que alcançaria até 1042 hPa na região da Bacia do Prata, entre o Argentina e o Uruguai. Outras simulações, no entanto, apontam que esta massa polar seria apenas moderada.

Na maioria das rodadas há a indicação de um ciclone extratropical intenso na costa do Rio Grande do Sul.

A segunda frente fria é mais forte, e indica a possibilidade de frio intenso no feriado da Independência, 7 de Setembro, que vai ser prolongado. Pela configuração observada nesta terça-feira, 25 de agosto, há indicação de um padrão típico de neve.

Nas próximas duas semanas estas simulações sofrerão várias modificações e vamos acompanhar. Será que teremos mesmo um feriadão com neve?

Climatempo