Geral
Foto: PC/Divulgação

A gerente de um posto de combustíveis na cidade de Colorado, na região norte do Paraná, acabou presa em flagrante nesta quarta (19) por vender combustível adulterado. Pelo menos doze carros estragaram na PR-542, após abastecerem posto. O primeiro carro parou por volta das 7h50.

Segundo informações da Polícia Civil, doze motoristas já prestaram depoimento, porém mais vítimas podem aparecer. As primeiras análises revelam que a quantidade álcool que deveria ser 92,8% estava em 50%. A polícia fechou as bombas de combustível e aguarda uma equipe da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) para lacrá-las e fechar o posto com medida administrativa.

A gerente do posto foi autuada por crime contra a ordem econômica por vender o combustível fora do padrão exigido pela ANP. Ela permanecia presa até às 19 horas, à espera de audiência de custódia.

Bem Paraná