Geral
Foto: Divulgação

O setor de eventos vai ter protocolos de controle da pandemia flexibilizados ainda em agosto. Em reunião do Gabinete de Crise, na tarde desta quarta-feira, foram definidas as alterações que devem ser publicadas, no Diário Oficial do Estado, até o fim da semana – quando entrarão em vigor.

A decisão, segundo o governo, é baseada na ocupação hospitalar, que está em níveis mais baixos, e no impacto da pandemia no segmento. Com isso, o Piratini entendeu que é possível adequar as regras nesses casos, tanto nos protocolos obrigatórios (seguidos em todos os municípios), quanto nos protocolos variáveis (podem ser adequados pelas regiões de acordo com a realidade local).

Eventos infantis, sociais e de entretenimento em buffets, casas de festas, casas de shows, casas noturnas, restaurantes, bares e similares, por exemplo, terão ampliação do limite máximo de pessoas de 150 para 350, entre trabalhadores e público. Nas regiões em que o limite máximo era de 70 pessoas, o número sobe para 150.

A reunião também tratou dos protocolos do setor de Educação e Cursos Livres, que receberão adequação de texto para deixar clara a obrigatoriedade quanto ao distanciamento físico mínimo de um metro entre as pessoas, desde que sejam garantidos uso de máscara e ventilação natural cruzada.

Secom RS