Polícia
Foto: Ilustração

Um dos golpes que está novamente em evidência neste período é a extorsão de valores através de nudes. A situação toda está associada a vítima ser ludibriada pelo criminoso. Depois de convencer a pessoa a enviar fotos comprometedoras, o estelionatário passa a chantageá-lo.

Nesta semana, mais um registro foi realizado na delegacia de Polícia de Alegrete e serve novamente como alerta. Neste caso, a vítima descreve que postou em sua rede social, animais que estavam para venda. Um determinado tempo depois, uma mulher se mostrou interessada na compra dos animais e também em arrendar algumas hectares de campo.

Durante o diálogo, no início, a pessoa se demonstrou muito interessada no negócio e também ter conhecimento sobre o assunto. Contudo, em determinado período da negociação, ela passou a mudar o “tom” da conversa e fez algumas insinuações. Na sequência, mandou algumas fotos nuas e também solicitou nudes à vítima que acabou enviando cerca de três ou quatro fotos.

Depois desta situação, a suposta interessada na compra dos animais e em arrendar campos, passou a enviar mensagens para a vítima solicitando o depósito de 10 mil reais, caso contrário, iria postar nas redes sociais suas fotos comprometedoras.

O homem percebeu se tratar do golpe do nudes e procurou a Delegacia de Polícia. Como não fez nenhum depósito para a estelionatária, ela enviou print das conversas e fotos para sua esposa, o que gerou muito transtorno.

Este período tem sido de muitos golpes virtuais e tentativas de estelionatos. É importante que as pessoas não repassem seus dados e também sempre tenham muita atenção em relação a certos diálogos nas redes sociais.

Alegrete Tudo