Segurança
Foto: Rede Social

O incêndio começou por volta de 22h30 desta sexta-feira (24). De acordo com informações de testemunhas, o ex-vice-prefeito Marcos Alfredo Riegel de 56 anos e a esposa, saíram da casa quando o fogo começou mas Riegel voltou para buscar a mãe dele, Marlise Riegel, de 81 anos. Os dois foram encontrados pelos bombeiros já sem vida próximos da porta de saída.

Vizinhos tentaram ajudar até a chegada do Corpo de bombeiros de Campo Bom que chegou rapidamente ao local do incêndio, mas ainda assim, precisaram da ajuda dos Bombeiros de Novo Hamburgo. o teto da residência desabou durante o incêndio.

Ainda não há informações de como o fogo começou.

Riegel foi vice nas gestões de Faisal Karam, entre 2009 e 2016. Atualmente, ele era diretor-geral da Câmara de Vereadores de Campo Bom. Chegou a concorrer ao legislativo municipal de 2020, pelo Progressistas, mas não se elegeu.

Formado em Jornalismo pela Unisinos, Riegel trabalhou em jornais, assessorias de imprensa e emissoras, como a Rádio Gaúcha. Era uma voz ativa no tradicionalismo e no escotismo da região.

Em nota, a prefeitura decretou luto de três dias no município.

Nota da prefeitura de Campo Bom

“O dia 25 de setembro começou mais triste. É com muita tristeza que recebemos a notícia do falecimento do querido amigo Marcos Riegel. O prefeito Luciano Orsi decretará três dias de luto. Desejamos força aos familiares e amigos”.

Nota da Câmara de Campo Bom

“Com muita tristeza e consternação a Câmara de Vereadores de Campo Bom vem a público confirmar que o atual diretor-geral do Poder Legislativo, Marcos Riegel, veio a óbito na noite desta sexta-feira, 24, quando um incêndio atingiu sua residência. O sinistro na residência também causou a morte da mãe de Marcos, Marlise Riegel. Os vereadores e servidores do Poder Legislativo estão completamente consternados com tamanha tragédia e manifestam todos os seus sentimentos aos familiares, amigos e correligionários de Marcos e sua mãe Marlise”.

Au Online