Polícia
Foto: Facebook

Em entrevista à Rádio Avenida FM durante a noite de domingo, 09, o delegado substituto da Polícia Civil, Eduardo Nardi falou sobre o crime de feminicídio registrado no interior do município de Erval Seco.

Durante a entrevista, Nardi esclareceu preliminarmente de que a jovem foi alvejada por no mínimo um disparo de arma de fogo. O crime ocorreu por volta das 15h na localidade da Linha Lajeado Caçador. Conforme o delegado, o companheiro da vítima já havia tentando tirar a vida da adolescente dentro da residência, após ter disparado contra ela, porém a mesma conseguiu fugir até a casa de um vizinho, onde o homem voltou a disparar.

Eduardo destacou ainda que Policiais Militares passavam pelo local, quando foram acionados por uma mulher que estava nas proximidades solicitando ajuda. Ao se deparar com a situação, os PMs avistaram um suspeito adentrando em um matagal. Após diversas diligências da guarnição da BM e da Força Tática, o homem foi localizado e preso com a arma que utilizou no crime.  O preso responderá pelos crimes de feminicídio, meio que impediu a defesa da vítima e porte ilegal da arma de fogo.

A jovem foi identificada como Carolina Santos da Silva, de 18 anos. A motivação do crime segue sendo investigada pela DP.

Avenida FM