Justiça
Foto: Arquivo Pessoal

O Poder Judiciário de estabeleceu júri popular para homem acusado de assassinar a namorada com 11 facadas em Itapiranga.

O crime ocorreu em novembro do ano passado. A vítima Cristiane Arenhard, tinha 37 anos de idade e o réu 32 anos. Em virtude da pandemia, a justiça ainda não definiu a data para a realização do julgamento.

O homem foi denunciado por crime de feminicídio, motivo torpe, uso de meio cruel e emprego de recurso que dificultou a defesa da vítima. Ainda cabe recurso da decisão ao Tribunal de Justiça.

O crime ocorreu no dia 25 de novembro de 2019 – Dia Internacional de Combate à Violência Contra a Mulher.

A vítima foi surpreendida pelo acusado enquanto descansava no sofá de casa. Na mesma tarde, ela havia registrado boletim de ocorrência contra o homem, que a ameaçava há algum tempo por não aceitar o fim do relacionamento. A mulher não aceitou retirar a queixa e foi atingida por 11 golpes de faca. O agressor foi preso no mesmo dia no interior de Palmitinho/RS, momento em que se deslocava a Campo Novo/RS, cidade onde residia e trabalhava.

Ele permanece recolhido ao sistema prisional.

Portal Peperi