Trânsito
Foto: Divulgação

A menina de cinco anos que perdeu os pais e a irmã em um grave acidente no dia 14 de novembro na BR-470 em Bento Gonçalves morreu por volta das 23h desse domingo (28). Maria Luiza Grandi de Aguiar estava internada no Hospital Tacchini e é a quinta vítima da colisão frontal que envolveu o Celta onde ela e a família estavam e um Jeep Renegade. No dia do acidente, morreram o pai da menina, Natan Fernandes de Aguiar, 29 anos, a mãe, Ana Paula Grandi, 31, e a filha mais nova deles, Cecília Grandi de Aguiar, 10 meses. Maria Luiza, que era a filha mais velha do casal, foi levada em estado grave para o hospital. A tia dela, de 25 anos, irmã de Natan, também estava no carro. Ela segue hospitalizada e já deixou a UTI. 

O acidente ocorreu no km 206, por volta das 20h, perto do distrito de Tuiuty.  A família estava no Celta, com placas de Veranópolis, dirigido por Aguiar. O carro trafegava no sentido Bento Gonçalves-Veranópolis, quando um Jeep Renegade locado, com placas de Belo Horizonte (MG), que vinha no sentido contrário, colidiu de frente com o veículo, segundo informações obtidas no lugar pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Pais e filha morreram no local. O motorista do Renegade, Aliones Salvador, 45, foi socorrido, mas morreu enquanto recebia atendimento médico. 

No dia do acidente, a família voltava para casa, em Veranópolis, depois passear em São Leopoldo.

Receba as notícias do Três Passos News no seu celular:

https://chat.whatsapp.com/CsCEOkj2FFZHrOaxRW43ot

O Pioneiro