Segurança
Foto: Arquivo/TP News

Abrangendo 21 municípios da Região Celeiro, com 14 Delegacias de Polícia e um Posto da Mulher, a 22ª Delegacia de Polícia Regional do Interior, com sede em Três Passos, divulgou nesta semana os números referentes à criminalidade do ando de 2019. Confira abaixo:

I-DADOS RELEVANTES

Instaurados 4.272 procedimentos policiais;

Remetidos ao Poder Judiciário/Ministério Público 4.999 procedimentos .

Encaminhados ao Poder Judiciário 829 pedidos de medidas protetivas referentes à violência doméstica contra a mulher.

II-INDICADORES CRIMINAIS

Dos onze indicadores criminais analisados, sete tiveram redução , um se manteve estável e três tiveram um aumento, veja a seguir: 

Os números referentes aos crimes contra a vida em 2019 se mantiveram estáveis. Foram 13 homicídios consumados, o mesmo número do ano anterior, bem inferior ao ocorrido no ano de 2017 quando foram registrado 28 homicídios consumados;

Tiveram redução: latrocínios: 33%, furtos: 35%, abigeato: 20%, furto de veículo: 45%, roubo: 47%, estelionato: 1,6% e tráfico de drogas: 20%;

Aumentaram os roubos de veículo de 10 casos em 2018 para 11 casos em 2019, delitos relacionados a armas e munição de 90 para 98 casos e o crime de posse de entorpecente de 80 em 2018 para 127 em 2019.

2.1: VIOLÊNCIA DOMÉSTICA:

No que tange ao crime de feminicídio  consumado, ocorreu uma diminuição: em 2018 foram 03 casos e em 2019 tivemos 01 ocorrência. Já a tentativa de feminicídio teve um acréscimo, foram 05 casos em 2018 para 06 casos em 2019.  As ameaças no contexto de violência doméstica tiveram uma leve baixa de 3%. Já lesões tiveram um aumento de 4% e estupros de 18%.  

III- DADOS OPERACIONAIS

A Polícia Civil da 22ª RP realizou, com apoio da Brigada Militar, 10 operações policiais na região. Foram efetuadas 136 prisões, apreendidas 57 armas de fogo, cumpridos 279 mandados de busca e apreensão e retirados das ruas cerca de 35kg de drogas como maconha, cocaína, crack.

IV- TRABALHO PREVENTIVO

Além do combate à criminalidade, a Polícia Civil da 22ª Região Policial também vem desenvolvendo o programa “Papo de Responsa”, voltado para a prevenção, onde se busca um diálogo descontraído com criança e adolescentes envolvendo temas como drogas, violência, resolução de conflitos, cultura da paz, bullying, entre outros. No ano de 2019 foram realizados 65 “Papos de Responsa” atingindo um público de aproximadamente 5.570 pessoas, além de desenvolver, em parceria com o município de Três Passos, um concurso de redação.