Segurança
Polícia já pediu a prisão preventiva da mãe. Foto: Arquivo Pessoal

Alexandra Duogokenski, mãe de Rafael Mateus Winques, de 11 anos, que estava desaparecido desde o dia 15 de maio, foi retirada de Planalto no início da noite desta segunda-feira, 15, após confessar a morte do filho e sofrer ameaça de linchamento. A Polícia Civil solicitou a prisão temporária e e foi atendida pelo Judiciário.

Conforme informações, o corpo foi encontrado próximo à residência da família em um imóvel desabitado, em cima de uma caixa e enrolado em um lençol. A mulher afirmou que a morte foi acidental, por medicação, que o menino era muito nervoso. Uma terceira pessoa pode estar envolvida no crime. A polícia vai apurar os fatos.

VEJA TAMBÉM