Polêmica
Foto: Reprodução

Os governadores alegam que se trata apenas de geolocalização, visando identificar regiões afetadas pelo vírus chinês.

O presidente Jair Bolsonaro determinou ao ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marcos Pontes, a suspensão do projeto de compartilhamento de localização de telefones celulares para identificar se há aglomerações e situações de risco de contaminação pelo vírus.

Os governadores João Doria e Eduardo Leite acertaram serviços do gênero com algumas teles.

Nas redes sociais, as medidas dos governadores foram interpretadas como invasão de privacidade e espionagem explícita.

Bolsonaro avisou que não permitirá que o povo seja espionado por ninguém.

RS Agora