Educação
Foto: Salamar Reichenbach/Facebook

Ao menos 15 unidades das Coordenadorias Regionais de Educação foram bloqueadas na manhã desta sexta-feira, 22. A ação faz parte da greve de professores vinculados ao CPERS Sindicato. De acordo com a entidade, as CREs fechadas ficam em Porto Alegre, Canoas, Gravataí, Osório, Palmeira das Missões, Passo Fundo, Rio Grande, São Leopoldo, Santa Cruz do Sul, Ijuí, Pelotas, Sant’Ana do Livramento, Carazinho, Cruz Alta e Caxias do Sul.

Em Três Passos, um grupo fez caminhada pela avenida central da cidade, até a sede da 21ª CRE – Coordenadoria Regional de Educação, onde foi entregue um documento contendo reivindicações da categoria. A coordenadora Ledi Daiana Diesel recebeu o ofício do CPERS/Sindicato e disse respeitar o direito constitucional dos profissionais paralisarem as atividades. Também se comprometeu a encaminhar o material à Secretaria de Estado da Educação – Seduc.

O CPERS afirma que, ao menos, 1.505 escolas tiveram atividades impactadas pelo movimento de greve. São 764 escolas totalmente paralisadas e 741 afetadas por adesão parcial. O governo do Estado diverge dos números apresentados pela categoria. Segundo a Secretaria da Educação, 650 colégios paralisaram as atividades. O Rio Grande do Sul totaliza 2.500 escolas na rede estadual.