Estado
Foto: Reprodução

O Governo do Estado do Rio Grande do Sul vai pagar em dia o 13º salário para os servidores públicos estaduais. É a primeira vez desde a gestão de José Ivo Sartori (MDB, 2015-2018) que o salário de fim de ano será quitado de forma integral. O anúncio foi realizado na manhã desta sexta-feira (1º de outubro) durante entrevista coletiva no Palácio Piratini.

Conforme o Palácio Piratini, 50% da remuneração líquida será paga no dia 29 de novembro e a segunda parcela de 50% será depositada em 20 de dezembro. As últimas três parcelas do 13º salário de 2020 também serão antecipadas e os servidores vão receber no dia 28 de outubro. A economia é estimada em R$ 3 milhões.

O governo estima que, pagando em dia, o Tesouro estadual vai economizar R$ 140 milhões para o pagamento de indenizações pelo atraso no pagamento dos 13º salários dos servidores. Conforme o governador Eduardo Leite, o Estado gastou mais de R$ 700 milhões em juros por causa do atraso nos salários parcelados desde 2015.

O impacto financeiro é de R$ 5,5 bilhões na economia do Rio Grande do Sul.

Receba gratuitamente as notícias do Três Passos News no seu celular:

https://chat.whatsapp.com/JrnRt9zoVyP24hyVKT2jRA

Agora no RS