Economia
Foto: Reprodução

A Caixa Econômica Federal inicia o pagamento da sexta parcela do Auxílio Emergencial nesta quinta-feira (16) para os beneficiários do programa Bolsa Família. Os pagamentos seguirão a ordem do digito final do número de NIS dos beneficiários (veja o calendário abaixo). Essa será a primeira parcela com o valor reduzido de R$600 para R$300 para o público em geral e de R$1.200 para R$600 para mães chefes de família.

Este valor será pago até dezembro, ou seja: aqueles que recebem a segunda, terceira ou quarta parcela neste mês, não terão tempo hábil para receber as quatro parcelas no valor de R$300.

Para saber quantas parcelas você irá receber, é só fazer o cálculo a partir da próxima parcela que você irá receber. Por exemplo: aqueles que recebem a segunda parcela em setembro, receberão a terceira em outubro, a quarta em novembro e a quinta em dezembro, encerrando seu ciclo de recebimentos. É importante destacar que as cinco primeiras parcelas tem o valor de R$600.

O saque e transferência para os beneficiários que terão depósito em conta digital só serão liberados mais tarde, para evitar aglomerações nas agências da Caixa. Confira abaixo o calendário da sexta parcela divulgado até o momento:

  • 17 de setembro – NIS de final 1 
  • 18 de setembro – NIS de final 2 
  • 21 de setembro – NIS de final 3 
  • 22 de setembro – NIS de final 4 
  • 23 de setembro – NIS de final 5 
  • 24 de setembro – NIS de final 6 
  • 25 de setembro – NIS de final 7 
  • 28 de setembro – NIS de final 8 
  • 29 de setembro – NIS de final 9 
  • 30 de setembro – NIS de final 0 

Até o momento, o Governo ainda não divulgou o calendário para os demais beneficiários inscritos pelo site e pelo aplicativo.

Crédito das demais parcelas na Poupança Social

  • 02/09 – Nascidos em Fevereiro vão receber a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 04/09 – Nascidos em Março vão receber 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 09/09 – Nascidos em Abril vão receber a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 11/09 – Nascidos em Maio vão receber a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 16/09 – Nascidos em Junho vão receber a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 18/09 – Nascidos em Julho vão receber a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 23/09 – Nascidos em Agosto vão receber a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 25/09 – Nascidos em Setembro vão receber a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 28/09 – Nascidos em Outubro vão receber a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 28/09 – Nascidos em Novembro vão receber a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 30/09 – Nascidos em Dezembro vão receber a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;

Confira quem pode sacar

  • 01/09 – Nascidos em Agosto podem sacar a 1ª, 2ª, 3ª ou 4ª parcela;
  • 05/09 – Nascidos em Setembro podem sacar a 1ª, 2ª, 3ª ou 4ª parcela;
  • 12/09 – Nascidos em Outubro podem sacar a 1ª, 2ª, 3ª ou 4ª parcela;
  • 12/09 – Nascidos em Novembro podem sacar a 1ª, 2ª, 3ª ou 4ª parcela;
  • 17/09 – Nascidos em Dezembro podem sacar a 1ª, 2ª, 3ª ou 4ª parcela;
  • 19/09 – Nascidos em Janeiro podem sacar a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 22/09 – Nascidos em Fevereiro podem sacar a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;
  • 29/09 – Nascidos em Março podem sacar a 2ª, 3ª, 4ª ou 5ª parcela;

Desbloqueio de contas

Os beneficiários do Auxílio Emergencial que tiveram contas bloqueadas preventivamente por inconsistência cadastral podem realizar o desbloqueio pelo próprio aplicativo CAIXA Tem. Para isso, basta seguir as orientações do aplicativo para enviar a documentação. O processo é digital e o desbloqueio ocorre em até 24 horas. Os usuários que tiveram as contas bloqueadas por suspeita de fraude serão informados pelo CAIXA Tem que devem procurar uma agência.

Fraudes, devoluções e como recorrer de bloqueios

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni (Democratas), participou do programa Brasil Urgente da rede Bandeirantes, e falou sobre os novos pagamentos do Auxílio Emergencial. Em entrevista conduzida pelo jornalista José Luiz Datena, o ministro falou sobre operação contra fraudes no auxílio e sobre a possibilidade que todos os fraudadores terão de devolver o dinheiro.

Segundo Lorenzoni, será oferecida por parte do Governo uma oportunidade para todos aqueles que fraudaram ou receberam o benefício indevidamente devolvam estes valores. Desta forma, o cidadão não terá seu Cadastro de Pessoa Física (CPF) enviado para a Receita Federal e, consequentemente, bloqueado para futuras transações e operações.

Os beneficiários recebem as parcelas de acordo com o mês de nascimento. Em um primeiro momento, o dinheiro fica disponível apenas para pagamentos de contas e compras por meio do cartão virtual.

Saque Emergencial do FGTS

Os trabalhadores nascidos em maio que tiveram o crédito do Saque Emergencial do FGTS e que não movimentaram a conta Poupança Social Digital ou que tenham saldo remanescente já poderão sacar o benefício em dinheiro a partir do próximo sábado (19). Também será possível transferir os valores, via aplicativo CAIXA Tem, para outras instituições financeiras.

Para realizar o saque, é preciso fazer o login no app, selecionar a opção “saque sem cartão” e “gerar código de saque”. Depois, o trabalhador deve inserir a senha para visualizar o código de saque na tela do celular, com validade de uma hora. O código deve ser utilizado nos caixas eletrônicos da CAIXA, nas unidades lotéricas ou nos correspondentes CAIXA Aqui.

Continua disponível ao trabalhador a opção de utilização dos recursos creditados na Poupança Social Digital para a realização de compras, por meio do cartão de débito virtual e QR Code, pagamento de boletos, contas de água, luz, telefone, entre outros serviços.

Continua disponível ao trabalhador a opção de utilização dos recursos creditados na Poupança Social Digital para transferências para outras contas da CAIXA ou demais instituições financeiras, além da realização de compras por meio do cartão de débito virtual e QR Code, pagamento de boletos, contas de água, luz, telefone, entre outros serviços. Veja o calendário:

Clic Camaquã