Dicas
Foto: Reprodução

Ter uma cintura fina parece uma missão impossível, porém não é. “Muitas pessoas buscam opções em cintas, chás, remédios e vários abdominais para ter uma barriga firme e lisa, sem pele sobrando, porém se esquecem de trabalhar a postura e a respiração”, conta a educadora física Verônica Motta, também conhecida como Veve Fit, da plataforma Queima Diária – maior plataforma de exercícios físicos online da América Latina.⠀

Através de uma metodologia exclusiva de exercícios hipopressivos, Vevê explica que a chave para perder barriga é trabalhar o músculo transverso do abdômen. “Trabalhando adequadamente esse músculo, é possível afinar até 12 centímetros de cintura, ter uma barriga tonificada e ainda aliviar problemas como incontinência urinária, intestino preso, dores na coluna e até melhorar a postura”.

Confira abaixo 4 dicas disponibilizadas pela treinadora para conquistar a tão sonhada barriga negativa:⠀

1 – RESPIRAÇÃO

É muito comum as pessoas não prestarem atenção em como elas respiram. A respiração tem influência no resultado que almejamos para a nossa barriga. Você pode testar agora como é a sua respiração colocando uma das mãos sobre a costela e a outra em cima do umbigo. No momento que você respirar, o abdômen deve mexer o mínimo possível e quando soltamos o ar, devemos ativar a nossa musculatura profunda, que é como se você estivesse apertando uma cinta na linha da cintura.

2 – POSTURA

Você já ouviu o termo “barriga por má postura”? São aquelas mulheres magras que possuem uma barriga saliente. Uma boa postura seria: manter a coluna bem alinhada, os ombros longe da orelha, o peito aberto e o quadril seguindo a linha dos ombros, ou seja, uma postura elegante mantendo a barriga com um certo tônus muscular. Isso não significa ficar com a barriga contraída o dia todo. Se você se preocupar apenas em manter uma boa postura, com a coluna sempre alinhada, o contorno corporal melhorará muito.

3 – ALIMENTAÇÃO

Esse tópico não está relacionado com dieta, mas com uma alimentação saudável. Quando você come algum alimento e sente uma distensão abdominal, e se isso acontece frequentemente, pode atrapalhar nos resultados estéticos na região do adbômen. Então o que fazer? Descobrir quais alimentos causam estufamento, ou até mesmo intolerâncias alimentares, e buscar substituí-los. Gosto muito da estratégia 80/20: 80% da semana me alimento da forma mais natural e saudável possível e 20% dou uma escorregada.

4 – EXERCÍCIOS FÍSICOS

Quando falamos em resultados estéticos na região abdominal, é muito comum as pessoas pensarem em exercícios abdominais convencionais. Esse é o maior erro que você pode cometer, já que abdominais não farão você perder a barriga. Por esse motivo, incentivo minhas alunas e minhas seguidoras nas redes sociais a treinarem o seu cinturão natural chamado transverso abdominal. A forma mais eficiente de trabalhar este músculo escondido é fazendo o vácuo abdominal acompanhado das posturas específicas.

Meio Norte