Saúde
Foto: PM/Divulgação

Está chegando ao fim a temporada mais crítica para proliferação do mosquito Aedes Aegipty com a aproximação do outono, e a Secretaria Municipal de Saúde de Três Passos segue firme realizando ações de combate ao mosquito.

A preocupação em proteger e conscientizar a população motiva a Saúde a intensificar os bloqueios, a eliminação de criadouros e a instrução aos moradores sobre os riscos da doença.

Para evitar a proliferação do mosquito os agentes de combate a endemias visitam os imóveis do município; fazem a averiguação em um raio de 300 metros das notificações suspeitas; é efetuado o fumacê no raio de 150 metros das residências onde há casos suspeitos ou confirmados; e orientam os moradores sobre como eliminar os criadouros.

Dados divulgados pelo Setor de Vigilância Epidemiológica apontam que o município até o momento está com 16 notificações, das quais 12 foram negativas, 02 estão aguardando resultado e 02 confirmados. Se comparado ao ano passado, o município estava com 69 casos suspeitos, 16 descartados e 32 casos positivos. Estes números representam de forma positiva a resposta das ações realizadas, mostrando que o trabalho em conjunto da população com o Poder Público tem funcionado bem nestes primeiros meses do ano.

Segundo a secretária Municipal de Saúde, Márcia Gintzel, o resultado obtido até aqui deve ser uma motivação para todos continuarem a fazer a sua parte. “É preciso que a população fique atenta, redobre os cuidados necessários para evitar criadouros e limpe as suas residências, quintais e terrenos”, afirmou.

⚠️ As principais formas de prevenção contra o mosquito são:👇👇

✅ Caixas de água: manter bem fechadas;

✅ Toneis e barris: deixar sempre bem tampados utilizados para a coleta de água;

✅ Tanques: devem ser lavados toda semana, com água, escova e sabão;

✅ Muros: colocar areia em todos os cacos de vidro colocados em cima de muros e paredes para evitar o acúmulo de água;

✅ Calhas: devem ser removidas das calhas todas as folhas, galhos e tudo o que possa impedir de a água de correr;

✅ Piscinas ou fontes: fazer sempre a manutenção de piscinas ou fontes utilizando produtos químicos apropriados;

✅ Vasos sanitários: os vasos sanitários fora de uso ou de uso eventual devem ser tampados e verificados semanalmente;

✅ *Vasos de plantas: * encher os pratinhos com areia até a borda para evitar que a água se acumule;

✅ Latas ou garrafas: manter com a boca virada para baixo;

✅ Lixo: colocar o lixo em sacos plásticos amarrados;

✅ Pneus: devem ser acondicionados em locais cobertos e sem contato com água;

✅ Ralos: caso o ralo não tenha a opção de abrir e fechar, coloque uma tela fina para impedir o acesso do mosquito à água;

✅ Objetos expostos: deve-se usar lonas para cobrir objetos expostos, materiais de construções ou entulho e elas devem estar bem esticadas para evitar o acúmulo de água.

Assessoria de Comunicação