Cidade
Foto: Arquivo/TP News

Medidas mais drásticas contra a propagação do coronavírus foram adotadas pelas autoridades públicas de Três Passos. O anúncio se deu às 15 horas deste sábado, 21, pela Prefeitura Municipal, com representantes da Polícia Civil, Brigada Militar e entidades representativas da Indústria e do Comércio.

As medidas levaram em conta o comportamento das pessoas, das empresas e da propagação do vírus nos últimos dias. Entre as mais drásticas, estão o decreto de Calamidade Pública, o restringimento ao comércio apenas a atividades essenciais e o isolamento social da população por um período de 15 dias.

Atividades essenciais

– Farmácias e Drogarias;
– Comércio, serviços e indústria na área da saúde;
– Mercados, supermercados, mercearias, açougues, peixarias, fruteiras e distribuidoras de gêneros alimentícios;
– Indústrias alimentícias, de produtos perecíveis, de alimentos animal, de higiene, limpeza, assepsia, e as que atendam os serviços de saúde;
– Postos de combustíveis e lubrificantes;
– Geração e distribuição de gás, água mineral, energia elétrica, água e saneamento básico;
– Serviços de limpeza urbana e coleta de lixo;
– Serviços funerários;
– Empresas de radiodifusão e imprensa em geral e serviços de telefonia e internet;
– Serviços de segurança privada;
– Empresas de recebimento, processamento e industrialização de gêneros alimentícios, a exemplo de silos de recebimento de grãos, indústria de laticínios e agroindústrias.
– Transporte coletivo urbano, transporte individual público ou privado de passageiros.
– Distribuição de encomendas e cargas, em especial atividade de tele entrega e delivery de alimentos, devendo os restaurantes, bares, lancherias e padarias, trabalhar exclusivamente em expediente interno, sendo expressamente vedado o consumo de alimentos em seus interiores.
– Funcionamento de agropecuárias e clínicas veterinárias, exclusivamente para manter o abastecimento de insumos e alimentos necessários à manutenção da vida animal.

Outras medidas

Ficam interditados, no território do Município, praças e parques públicos e privados, bem como sedes de clubes de piscina e recreação.

O isolamento social de todos os habitantes do município, só podendo haver circulação de pessoas para as providências relativas a subsistência própria e de suas famílias, para consumo de bens ou serviços autorizados a funcionamento na forma deste Decreto.

Os supermercados, açougues, peixarias, fruteiras e distribuidoras de gêneros alimentícios, além dos postos de combustíveis, terão seu funcionamento de segunda-feira a sábado, das 7h às 19h.