Cidade
Foto: PM/Divulgação

A Administração Municipal de Três Passos iniciou o trabalho de substituição da iluminação pública, por iluminação em LED. Além de ser mais luminoso, torna o consumo de energia elétrica muito menor.

A padronização será com três modelos: luminárias LED de 80 watts, 150 watts e 180 watts, que deverão ser instaladas conforme os tipos e utilização das vias urbanas.

Nesta primeira etapa serão substituídos 500 pontos, iniciando pela Rua Ipiranga, Independência, Andrade Neves, Avenidas Ijuí, Júlio de Castilhos e Costa e Silva, entre outras instaladas pela equipe de iluminação pública do município.

Conforme o Secretário de Obras e Viação, Lauro Mohr, por meio da licitação n° 100/2021, pregão eletrônico n° 86/2021, foram vencedores as empresas Optimus Technology Equipamentos de Iluminação Ltda e a empresa Zagonel S.A.

O valor total da aquisição nesta primeira etapa foi de R$ 253.882,30, com previsão de redução no valor da fatura de energia elétrica da iluminação pública em até 17,6%.

Considerando a diferença entre a fatura prevista e a atual calculada incluindo bandeiras tarifárias e o serviço de arrecadação da CIP, a arrecadação apresentará uma diferença positiva, passando de aproximadamente R$ 11.500,00 para aproximadamente R$ 34.00,00, ou R$ 408.00,00 ao ano, sendo que o valor do investimento após a licitação é de R$ 253.882,30.

Assim, a expectativa para o ROI (tempo de retorno do investimento para a etapa) deverá ser de no máximo oito meses.

Conforme o Prefeito Municipal de Três Passos, Arlei Tomazoni, a intenção é de que toda a iluminação pública seja substituída por LED durante seu mandato, e que outras ações de sustentabilidade já estão em andamento como a instalação de microgeração fotovoltaica nas escolas municipais.

Os equipamentos do parque de iluminação pública atualmente estão depreciados, apesar dos esforços da administração municipal em realizar a manutenção periódica de lâmpadas, reatores, braços, postes e luminárias.

No decorrer do tempo (as estruturas de iluminação existem há mais de 30 anos), ocorreram depreciações consideráveis, resultando em baixa eficiência dos equipamentos de iluminação e manutenção elevada.

Ainda, muitas luminárias existentes utilizam tecnologias antiquadas, com sistema óptico com baixa eficiência (luminárias abertas ou com grades), apresentando isolação elétrica comprometida e reduzida qualidade luminosa, estando muitos dos equipamentos em desacordo com as boas práticas e normas brasileiras.

Também não há padronização dos equipamentos e acessórios destinados à iluminação pública, resultando em uma quantidade enorme de itens para efetuar a reposição e/ou manutenção. Este fator dificulta sobremaneira a equipe de manutenção, pois há necessidade de quando da saída à campo, levar uma variedade considerável de lâmpadas e acessórios. Além disso, sobrecarrega o almoxarifado e também quando da aquisição de materiais para a manutenção por meio de licitação, há uma gama enorme de itens a serem relacionados.

Com a evolução tecnológica ocorrida com o LED (Diodo Emissor de Luz) aplicado às luminárias públicas, proporcionam eficiência energética com redução no consumo de energia elétrica e consequente redução na fatura mensal junto à concessionária, maior rendimento na relação lúmens por watt, melhor índice de redução de cores, melhoria na qualidade da uniformidade do fluxo luminoso, menor fator de manutenção e ainda esta tecnologia contribui para a sustentabilidade, pois o LED não utiliza mercúrio, ao contrário das lâmpadas atualmente empregadas.

Todos estes fatores justificam a obra de revitalização com luminárias públicas LED, iniciando com este projeto, a substituição gradativa do parque de IP no município de Três Passos, denominada neste primeiro registro de preços de “Eficientização e modernização da iluminação pública em Três Passos – Retrofit – Etapa 1”.

Os recursos para o projeto serão obtidos a partir dos valores arrecadados pela CIP e próprios, e paulatinamente, será solicitada a atualização cadastral junto a concessionária e consequente redução na fatura mensal relacionada ao consumo de energia elétrica da iluminação pública, conforme andamento da revitalização, tendo por objetivo a substituição gradativa de todo o parque de iluminação pública, ao longo da atual administração.

Ressalta-se que o projeto de substituição das lâmpadas de descarga por luminárias públicas com LED, foi objeto de dissertação de mestrado realizada pelo funcionário da prefeitura na UFSM, engenheiro eletricista, Ronaldo Funchal, sob orientação do professor Dr. Marco Antonio Dalla Costa, sendo que a contribuição deste trabalho foi o de apresentar as diretrizes para especificar luminárias públicas LED, atendendo os requisitos normativos e legais em vigência, servindo de referência para os agentes públicos municipais envolvidos com a iluminação pública.

Receba as notícias do Três Passos News no seu celular:

https://chat.whatsapp.com/HZcQ9vXiMIN1GC4kHcXcvC

Assessoria de Comunicação