Fenômeno
Foto: O Diário

Um morador de Dois Irmãos, que estava no litoral Sul na tarde desse sábado, dia 14, presenciou o momento exato em que as águas do mar invadiram a faixa de arreia, surpreendendo diversos banhistas e, inclusive, arrastando carros em alguns locais na praia do Cassino, em Rio Grande.

O carro de Adriano Marschal, que gravou o vídeo, também foi atingido, mas não chegou a sofrer avarias. No vídeo, Adriano destaca que pessoas deixaram seus veículos na orla e foram andar de jet ski, sem tempo hábil de voltar e tirar os veículos antes da água do mar avançar sobre eles.

Conforme a Somar Meteorologia, o fenômeno ocorre quando uma grande nuvem de tempestade e fortes ventos avançam rapidamente sobre o mar, formando uma grande onda que chega até a praia. No entanto, é menos devastador que um tsunami causado por abalos sísmicos (terremotos), em que o deslocamento da massa de água é maior.

O fenômeno deste sábado, segundo a Somar, foi reforçado pelas nuvens de chuva formadas pela chegada de uma frente fria no Rio Grande do Sul, que causou ventos de mais de 60km/h no sul do estado.

Tsunamis desta natureza foram registrados recentemente duas vezes em Santa Catarina, em 16 de outubro de 2016 e em 19 de novembro de 2009. Para o Portal G1, Lauro Calliari, professor do Instituto de Oceanografia da Furg, disse que este fenômeno tem registros no Rio Grande do Sul desde 1977.

O Diário.Net